fbpx
JornalCana

Usina de cana do Grupo Maringá fixa valor das remunerações

maA usina de cana-de-açúcar Jacarezinho, controlada pelo Grupo Maringá, acaba de definir o teto da remuneração global anual dos administradores da companhia, que tem unidade industrial na cidade de Jacarezinho (PR).

Conforme a companhia, a remuneração global anual dos administradores foi fixada em até R$ 1,2 milhão.

A companhia sucroenergética também promoveu alterações administrativas. Conforme o Portal JornalCana apurou, a Usina Jacarezinho alterou o número de integrantes da diretoria, que passa dos atuais 3 para 4 integrantes. O mandato é unificado em três anos.

Quem são os diretores:

Roberto de Oliva Mesquita, diretor presidente

Nelson Magalhães Graça, Eduardo Lambiasi e Condurme Aizzo, diretores sem designação específica

Saiba mais sobre a Usina Jacarezinho:

Situada na cidade de Jacarezinho (PR), a unidade sucroenergética foi fundada em 1946 e iniciou sua produção em 1949.

Conta com parte do fornecimento de cana de açúcar da empresa controlada, Cia Canavieira de Jacarezinho, que atende a aproximadamente 50% da necessidade da usina e os demais 50% são adquiridos através de contratos de longo prazo firmados com fornecedores. A capacidade de moagem da Usina Jacarezinho chega a 2.200.000 toneladas de cana/safra, segundo a controladora Maringá.

A comercialização do açúcar e do etanol é efetuada pela Copersucar, da qual a Jacarezinho é cooperada desde 1968.

A Jacarezinho é controlada pelo Grupo Maringá, nascido em dezembro de 2011 a partir da cisão da Cia.. Melhoramentos Norte do Paraná. O Grupo é representado pela holding São Eutiquiano Participações S/A, que, além da Usina Jacarezinho, controla também a Cia. Canavieira de Jacarezinho e, no setor de siderurgia, a Maringá Ferro-Liga S/A.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram