fbpx

No país, safra aponta evolução do açúcar

A produção de cana na região Centro-Sul do país (que engloba as principais usinas do Sul, Sudeste e Centro-Oeste) até 31 de maio supera em 43,55% a quantidade processada no mesmo período de 2008.

Em 2008, foram 76,4 milhões de toneladas moídas, enquanto, neste ano, o volume chegou a 109,7 milhões de toneladas até maio. O grande destaque é o açúcar, cuja produção voltou a crescer na região.

Com abertura de parte do mercado europeu e entrada na Índia, antes um dos principais concorrentes, a produção cresceu 57,38%. Na safra passada, foram 3,2 milhões de toneladas, contra 5 milhões de toneladas na atual.

A produção de álcool também teve alta de 40%, embora o álcool anidro – misturado à gasolina- tenha mostrado queda de 14,2%. A produção de álcool hidratado cresceu 62,8%.

De acordo com Sérgio Prado, diretor da Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar) em Ribeirão Preto, os números parecem m elhores do que são, principalmente para o álcool.

“A falta de crédito, que ainda aflige o setor, faz com que ninguém tenha crédito fácil, o que dificulta a estocagem. Por isso, todos jogaram a produção no mercado e, por isso, o preço do álcool está tão baixo”, afirmou.

Em relação ao açúcar, segundo Prado, a alta reflete a melhora no mercado externo, mas parte dela também é devido a uma antecipação da safra.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X