fbpx

Moagem de cana cresce no Centro-Sul do País

As unidades produtoras de açúcar e etanol do Centro-Sul do Brasil moeram 40 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na primeira metade de agosto, 5,3 milhões de toneladas a mais em comparação com a última quinzena de julho, cuja moagem foi de 35,7 milhões de toneladas. No acumulado desde o início da safra 2009/2010, a região Centro-Sul moeu 286,6 milhões de toneladas, apresentando um crescimento de 17,28% em relação ao mesmo período da safra anterior. Os dados são da União da Indústria de Cana de Açúcar (Unica).

Apesar do recorde na primeira metade de agosto, esse avanço da moagem deve ser comprometido pelas chuvas que ocorrem em boa parte da região produtora ao longo da segunda quinzena do mês. Assim, a retração da moagem, que na safra anterior foi observada na primeira quinzena de agosto, neste ano deverá ocorrer na segunda quinzena do mês, com uma redução esperada de 10 milhões de t! oneladas de cana.

Do total de cana processada desde o início da safra, 43,33% foi direcionada à produção de açúcar, resultando em um volume acumulado de 15,3 milhões de toneladas, 23,44% superior ao acumulado no mesmo período da safra anterior. Somente na primeira quinzena de agosto, o volume de açúcar produzido foi de 2,5 milhões de toneladas. As unidades mistas, que produzem açúcar e etanol, continuam priorizando a produção de açúcar em função dos preços mais remuneradores.

A produção acumulada de etanol na atual safra até 15 de agosto é de 12,3 bilhões de litros, 8,4% superior ao acumulado no mesmo período da safra anterior. A produção na primeira quinzena de agosto atingiu 1,8 bilhão de litros, 14,47% superior ao total da mesma quinzena da safra anterior, que foi severamente prejudicada pelas chuvas.

Das 23 novas unidades com início de atividades (primeira moagem) previsto para a safra 2009/2010 na Região Centro-Sul, 12 deverão operar até o final de agosto.

A quantidade de produtos obtidos por tonelada de cana esmagada ainda continua baixa quando comparada aos anos anteriores. Enquanto na primeira quinzena de agosto de 2008 foram obtidos 149,23 quilos de Açúcares Totais Recuperados (ATR), na primeira quinzena de agosto deste ano a quantidade obtida foi de 142,28 kg, uma queda de 4,6%. No acumulado desde o início da safra, a qualidade da cana ficou em 129,63 kg de ATR por tonelada, valor 2,65% menor que o mesmo período da safra anterior. As chuvas na segunda metade do mês também devem prejudicar o acúmulo de açúcar na planta.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X