fbpx

Governo estuda reduzir impostos de multicombustível

Os carros multicombustíveis devem ganhar um incentivo fiscal do governo. A proposta está em estudo no Ministério da Fazenda e tem o apoio do ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan.

“O Ministério da Fazenda vem estudando um pleito do setor automotivo de ter uma redução tarifária para veículos que possam ser multicombustível.

Eu acredito que haja a possibilidade do benefício”, afirmou Furlan, durante lançamento do novo carro tricombustível (gasolina, álcool e gás natural) da General Motors. Segundo ele, a decisão de reduzir impostos deve sair ainda neste ano.

O ministro não detalhou qual seria o tipo de incentivo que poderia ser dado. Hoje, os carros bicombustíveis (álcool e gasolina) e movidos a álcool já contam com uma alíquota menor de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados).

Ele afirmou que esse tipo de veículo é importante, principalmente no caso das áreas urbanas, onde o trânsito e o consumo de combustíveis é maior. Além disso, o desempenho do setor automotivo tem ajudado no desempenho da balança comercial.

“A gente espera exportar essa tecnologia também, uma vez que o segmento do setor de transportes tem tido um desempenho extraordinário nas exportações, sendo acima de 30%”, disse Furlan.

Ele afirmou que o novo carro, apresentado ontem ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela montadora, pode ser exportado por utilizar também gasolina pura.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X