fbpx

“Vamos dar o troco”, afirma liderança do setor do Nordeste

Reclamação é contra liberação, pelo governo, da entrada de etanol importado sem impostos

Carneiro Leão, presidente do Sindicape: mais 150 milhões de litros de etanol importados sem impostos prejudicam o Nordeste (Foto: Arquivo/JornalCana)

“Estou revoltado com o Governo federal”, afirma Gerson Carneiro Leão, presidente do Sindicato dos Cultivadores de Cana de Pernambuco (Sindicape).

A ‘revolta’, atesta, é contra decreto do Governo, oficializada em 31/08, e que libera por um ano a importação, sem tarifas, de etanol feito de milho dos EUA.

Em vigor desde 01/09, o decreto estende em 150 milhões o total de litros que podem ser importados.

No total, 750 milhões de litros podem entrar no Brasil isentos de impostos.

“Fui um dos maiores cabos eleitorais de Jair Bolsonaro”, relata Carneiro Leão. “Esse presidente vai botar 150 milhões de litros de etanol para acabar com o Nordeste.”

“Na próxima eleição ele terá troco”, relata em nota o presidente do Sindicape.

“Nós temos 12 mil associados e iremos dar o troco a esse Governo na próxima eleição.”

 

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X