fbpx

USO DE ALGORITMOS INTELIGENTES EM BUSCA DA MÁXIMA EFICIÊNCIA E RENDIMENTO INDUSTRIAL

A utilização de um sistema de otimização em tempo real para alcançar a máxima eficiência e rendimento industrial no processo de fermentação e destilação de etanol foi o tema das palestras do diretor da Soteica, Nelson Nakamura, no 6º CURSO DE PROCESSOS, FERMENTAÇÃO E PRODUÇÃO DE ETANOL que aconteceu no dia 21 de junho, em Ribeirão Preto.

 

O S-PAA é um sistema desenvolvido pela Soteica do Brasil Ltda para o gerenciamento e otimização em tempo real de toda a planta, incluindo todos os setores ligados com a produção do açúcar, álcool e energia.  A implantação do S-PAA tem propiciado ganhos expressivos na eficiência na operação como um todo, com destaque para a redução do consumo específico de vapor e consequente maior exportação de energia.

Em sua primeira palestra, intitulada “Algoritmos Inteligentes Aplicados na Fermentação, Nakamura abordou o uso dos algoritmos aplicados no processo de alimentação das dornas de Fermentação.

Na fermentação, o S-PAA controla a alimentação das dornas, faz o seu sequenciamento e cria condições de trabalho para que o fermento se desenvolva adequadamente, fornecendo continuamente o “alimento” para as leveduras e controlando a temperatura, pH, acidez das dornas. A implantação desta tecnologia tem propiciado um aumento do rendimento fermentativo se comparado com a operação manual, além da redução de custos com insumos químicos.

Na segunda palestra, Nakamura abordou o uso dos algoritmos na operação de colunas de destilação.  Estes algoritmos respondem de forma dinâmica às variações de GL do vinho, às oscilações de vapor de processo e da qualidade do álcool produzido.  Atuando na alimentação, retirada e pressão do pé de cada coluna, mantém o equilíbrio termodinâmico da coluna e garantem a produção do álcool hidratado com o INPM desejado e com alto rendimento.

Mantendo a coluna em equilíbrio temos uma redução na perda na vinhaça e na flegmaça e maior produção do etanol, além de “redução no consumo de vapor que é mais um dos ganhos proporcionados pelo sistema”, afirmou Nakamura.

“O uso dos algoritmos inteligente em ambos os casos, na fermentação e na destilação, ajuda a reduzir perdas e aumentar o rendimento”, explica Nakamura.

Clique e leia a matéria originalmente publicada no site JornalCana.

#RTOUsinas #OtimizacaoEmTempoReal

#RTOLaçoFechado

#SPAA #Soteica #RTOdeVerdade  #GestaoIndustrialAvançada

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X