fbpx

Usinas do Centro-Sul deverão produzir 12% mais açúcar na 20/21

Moagem pode chegar a 620 milhões de toneladas de cana

Moagem de cana no interior paulista (Foto: Arquivo/JornalCana)

A moagem das unidades produtoras da região centro-sul do país poderão chegar a 620 milhões de toneladas de cana-de-açúcar na safra 2020/21.

Esse volume, no entanto, depende das condições pluviométricas.

Estão previstas chuvas neste mês e em abril e, se forem confirmadas, a oferta da matéria-prima do etanol e do açúcar também será maior.

A estimativa é da consultoria Agroconsult.

Sem levar em conta as previsões de chuvas, ela prevê moagem de 600 milhões de toneladas para a safra prestes a ser iniciada em abril.

Significa aumento de 1,7% ante a temporada passada, destaca a Agroconsult.

Leia também:

Açúcar: uma arma contra o coronavírus?

 

Alta na produção de açúcar

Por sua vez, a Agroconsult projeta alta de 12% na produção de açúcar na comparação com o ciclo 19/20.

Sendo assim, a produção do adoçante atingiria 30,1 milhões de toneladas.

Já a fabricação de etanol cairia em 6% ante a 19/20, chegando  30,6 bilhões de litros.

A queda dos preços do petróleo e o crescimento de casos do coronavírus no mundo podem interferir nas cotações de açúcar e etanol.

E isso, conforme a consultoria, pode mudar os planos das usinas na hora de definir a destinação da matéria-prima.

O coronavírus e a crise do petróleo trazem “muitas dúvidas e incertezas sobre os preços do açúcar e do etanol, influenciando diretamente no mix de produção, nas margens das usinas e no endividamento do setor sucroenergético”, destaca o analista Fabio Meneghin em entrevista divulgada na mídia. 

Produtividade 1% maior

Conforme a Agroconsult, a produtividade média dos canaviais está estimada em 76,8 toneladas por hectare, desempenho 1% maior em relação à safra anterior.

Por sua vez, a taxa de renovação das lavouras continua abaixo do ideal.

No entanto, os índices de vegetação acumulados estão bem acima dos observados no ano anterior, indicando maior crescimento dos canaviais.

Finalmente, se a produção de etanol de cana deverá cair, nas estimativas da Agroconsult, a fabricação do biocombustível feito a partir de milho deverá saltar 47%.

Com isso, a produção chegará a 2,4 bilhões de litros.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X