fbpx

Usinas de MS distribuirão 38 mil máscaras para população

Parceria entre a Biosul e o Sistema Fiems vai atender 21 municípios

Roberto Hollanda e Rodolpho Mangialardo

Em uma iniciativa da Biosul, em parceria com o Sistema Fiems (Federação das Indústrias de Mato Grosso do Sul) por meio do Senai/MS, as usinas de Mato Grosso do Sul distribuirão nos próximos dias 38 mil máscaras nos 21 municípios onde operam.

O termo de doação entre as instituições foi assinado nesta quarta-feira (15) pelo presidente da Biosul, Roberto Hollanda Filho e o diretor regional do Senai/MS, Rodolpho Mangialardo.

A instituição já fez a entrega da primeira remessa das máscaras que serão destinadas às famílias carentes, idosos, comunidades indígenas e população em geral.

LEIA MAIS > Fundos especulativos voltaram a apostar na alta do açúcar

“As nossas associadas estão atentas às oportunidades de cooperação e solidariedade nesse momento que enfrentamos, entendendo a importância da proteção não apenas dos seus colaboradores, que já possuem os itens de segurança necessários, mas da população que vive em torno das unidades”, destaca Hollanda.

Para o diretor do Senai, a corrente de solidariedade na indústria é extensa, além de ajudar a evitar a disseminação do coronavírus, proporcionou oportunidades para a indústria têxtil do Estado, que se mobilizou na confecção das máscaras, garantindo os empregos.

Usinas também fizeram a doação de álcool

“Estamos movimentando a economia local e mobilizando a cadeia produtiva da indústria em favor da saúde da comunidade”, ressalta.

Os municípios assistidos nesta ação serão Angélica, Ivinhema, Nova Alvorada do Sul, Rio Brilhante, Eldorado, Ponta Porã, Caarapó, Dourados, Naviraí, Paranaíba, Aparecida do Taboado, Fátima do Sul, Taquarussu, Batayporã, Vicentina, Chapadão do Sul, Costa Rica, Paraíso das Águas e Sonora.

Desde o início da pandemia, as usinas também doaram álcool, somando mais de 300 mil litros até o momento. Em campanha articulada pela Biosul e Fiems, as doações de álcool foram diluídas e envazadas como álcool 70º pela fabricante de refrigerantes Refriko.

O produto foi enviado para o Governo do Estado, entidades de saúde, Polícia Militar e Federal, Corpo de Bombeiro, Casa da Mulher Brasileira, municípios onde as usinas estão localizadas, entre outras.

LEIA MAIS > Mato Grosso do Sul produziu 3,3 bilhões de litros de etanol em 2019/2020

Conforme a Biosul, a Central de Abastecimento (Ceasa/MS), importante centro de distribuição de alimentos do Estado com grande fluxo de entrada e saída de caminhões e fornecedores também foi beneficiada com a doação.

Outro exemplo foi a destinação de 5 mil litros do álcool, no mês de março, para o Distrito Sanitário Especial Indígena de MS (DSEI) que atende 78 aldeias no Estado.

Recentemente, cerca de 80 mil litros de álcool foram destinados à Secretaria de Educação do Estado. O álcool vai compor um kit de biossegurança que será entregue aos 215 mil alunos do Estado no retorno às escolas.

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

20 + 18 =

X