fbpx

Usina São José da Estiva terá COI a partir da próxima safra

Local reunirá as centrais de automação de quatro importantes setores da usina

Em abril, quando mais uma safra começa na Usina São José da Estiva, o COI (Centro de Operações Industriais), deverá estar em pleno funcionamento. As obras do novo prédio começaram, os novos sistemas de informática e automação estão em desenvolvimento, com participação de toda a equipe de Automação, e todas as operações serão feitas a partir de um único local.

“Nosso objetivo é melhorar o fluxo de informações e comunicação entre cada um dos pontos de automação da moenda, caldeira, fábrica e destilaria”, explica André Luís Gatto, gerente de Área de Utilidades e Manutenção.

LEIA MAIS > Valor Bruto da Produção pode atingir R$ 1 trilhão até o fim deste ano

Segundo Gatto, além dos operadores dos sistemas de automação, o COI terá os supervisores de cada área. “Esta aproximação permitirá que haja mais integração e entendimento de uma área com relação a outra, contribuindo para o fluxo dos processos”, avalia.

O novo prédio está sendo construído com materiais pré-moldados, o que deverá garantir mais rapidez para a obra.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X