fbpx
JornalCana

Usina Furlan espera romper desafios na safra 2022/23

Através da plataforma S-PAA, a usina otimiza gestão dos seus recursos operacionais

Tiago Afonso, gerente industrial da Usina Furlan

Na safra 2021/22, o Grupo Furlan, de Avaré -SP, alcançou alto grau de eficiência industrial, expandindo sua capacidade de moagem.

Segundo Tiago Afonso, gerente industrial da companhia, a eficiência industrial proporcionou resultados expressivos.

“Fizemos um trabalho forte em disponibilidade industrial, eliminando grandes problemas identificados nas safras anteriores e com ferramentas de gestão conseguimos eliminar a causa raiz de mais de 80% das paradas de moenda”.

LEIA MAIS > Uma aula de planejamento estratégico

Para este ano safra, segundo Afonso, com maior quantidade de cana, o desafio será ainda maior, porém a receita continua a mesma, ou seja, investir em tecnologia.

“O grande diferencial esse ano, é integrar todas as áreas e melhorar nossa planta. Com o S-PAA teremos o controle em tempo real de todas as malhas e vamos conseguir aumentar significativamente nossa geração de energia, rendimentos, controles, estabilidade de processo e otimizar nossos equipamentos de forma ímpar como nunca feito antes”, afirmou Afonso.

Com mais de 100 anos no mercado sucroenergético, a Usina Furlan conta com uma planta com capacidade para moer 2 milhões de toneladas de cana/safra, uma produção de 600 mil litros de etanol hidratado por dia, 20 mil sacas por dia de açúcar VP, e geração de 45.000 kwh de energia por safra.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram