JornalCana

Último IPC de 2.003 registra inflação de 0,46%

A variação de preços no varejo observada pela Fundação Getúlio Vargas no último Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) de 2003 foi de 0,46%, situando-se 0,02 ponto percentual acima da taxa apurada na semana anterior. Dos quatro grupos que mostraram aceleração no período de 26 de novembro a 26 de dezembro, a maior influência foi apresentada pelo grupo Alimentação, que passou de 0,34% para 0,49%.

No sentido inverso, a mais significativa redução foi registrada pelo grupo Despesas Diversas, cuja taxa caiu de 2,75% para 1,92%, em função do menor efeito do reajuste das loterias, que recuou de 17,42% para 10,79%, analisaram os economistas da FGV. Apesar disso, os jogos lotéricos ainda responderam pela maior contribuição para a formação da taxa do IPC-S, destacaram os técnicos.

Seis das 12 capitais pesquisadas tiveram aceleração de preços, sendo a maior detectada em Porto Alegre, onde a taxa experimentou aumento de 0,14 ponto percentual, puxado pelos grupos de despesas Alimentação e Vestuário. Já a maior desaceleração ocorreu em Florianópolis, com queda de 0,06 ponto percentual, passando de 0,35% para 0,29%. A taxa máxima de inflação pelo IPC-S foi observada em Fortaleza, da ordem de 0,86%, e a mínima (0,00%) em Curitiba.

A primeira apuração do IPC-S em 2004 será divulgada pela FGV no próximo dia 12, com dados coletados até o dia de ontem. (Fonte: Agência Brasil)

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram