fbpx
JornalCana

Uisa encerra safra 2020/21 processando 5 milhões de toneladas de cana

Empresa apresenta seu relatório de sustentabilidade

A Uisa, localizada no Mato Grosso, divulgou nesta quinta-feira (21), seu Relatório de Sustentabilidade, e apresenta a sua atuação frente a desafios como a pandemia, as iniciativas de relacionamento com seus públicos de interesse e os principais indicadores das práticas socioambientais.

“Temos o permanente propósito de priorizar e promover o desenvolvimento sustentável. O nosso desafio é conjugar nossas atividades econômicas e empresariais com qualidade de vida das pessoas, com a preservação da fauna, da flora e dos recursos naturais, atendendo sempre aos mais elevados padrões éticos e de governança corporativa. O relatório demonstra que estamos nesse caminho”, diz José Fernando Mazuca Filho, CEO da Uisa.

A usina encerrou a safra 2020/21 com 2.313 funcionários diretos e uma moagem de 5 milhões de toneladas de cana. Ainda que sob a influência de secas e da pandemia da Covid-19, fechou o período com uma receita bruta de R$ 1 bilhão, 8% acima do ano anterior.

LEIA MAIS > Profissionalização da gestão exige confiança e transparência

Foram feitos novos aprimoramentos na Governança da Companhia. Os avanços contemplaram a criação de comitês e políticas e a estruturação do sistema de compliance e gestão de riscos, com o desenho de uma nova matriz operacional de risco.

Agenda Ambiental

A Agenda Ambiental destaca a criação do Centro Biotecnológico da Cana (CBC), centro de pesquisa e desenvolvimento, voltado a soluções biológicas para o combate às pragas dos canaviais e desenvolvimento de fertilizantes naturais. O CBC tem também a função de fomentar parcerias com centros de pesquisa no Brasil e no mundo.

LEIA MAIS > Projetos de carros elétricos movimentam montadoras pelo mundo

Visando à proteção da fauna e flora nas regiões onde atuam, a Uisa estruturou os programas de Ação para a Biodiversidade e Ação para Serviços do Ecossistema. Ambos buscam mitigar a influência das operações da companhia em “habitats” naturais; impedir desmatamento; estruturar inventário de fauna; e promover a recuperação de “habitats” por meio do plantio de mudas nativas desenvolvidas no viveiro da companhia.

Diversidade

 A empresa deu novos passos na direção da promoção da diversidade e da inclusão no seu ambiente, na sua estrutura e na sua cultura. Foi ratificada a meta que prevê que, em até cinco anos, a presença feminina aumente 30% no quadro geral de funcionários e na liderança dos diversos setores.

Na última safra, foram contratadas 53 funcionárias, sendo três para a posição de especialista e duas como gerentes, cumprindo nossa primeira meta do biênio 2021-2022. Em 2020, foi lançada a campanha “Tolerância Zero” para disseminar discussões e reflexões sobre temas como assédio moral e sexual, desigualdade de gênero e discriminação.

LEIA MAIS > As usinas com melhor performance serão destacadas no MasterCana Centro-Sul
José Fernando Mazuca Filho

Esse movimento foi intensificado por meio de treinamentos para todos os funcionários da companhia, além de eventos como a celebração do Dia das Mulheres, que contou com diálogos sobre empoderamento feminino, educação financeira e outros tópicos.

Outra importante iniciativa foi a criação do Comitê da Mulher. Instituído em 2020, reforçou o compromisso da Uisa com o empoderamento e a capacitação das mulheres, e com a conscientização das pessoas, tanto em relação ao público interno, quanto a moradores das comunidades onde operamos. Foi definida também a implementação, na próxima safra, de um Comitê de Diversidade e Inclusão.

Desenvolvimento Local

 A Política de Investimento Social Privado da Uisa preconiza que as ações sociais sejam direcionadas para as áreas de saúde, educação, esporte, cultura e geração de renda, de forma a contribuir para o desenvolvimento das comunidades locais. O principal instrumento para a atuação social da Uisa é o Florescer Ação Social. Fundado em 2006 e constituído em 2010 como pessoa jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, o Instituto dedica-se à promoção do desenvolvimento humano, social, cultural e educacional de crianças, adolescentes e mulheres.

LEIA MAIS > CEOs da DCBIO e da Furlan apontam caminhos para a profissionalização da gestão nas usinas

Na última safra, o Florescer ganhou nova sede, um espaço com melhor estrutura, que possibilita o aperfeiçoamento das ações e projetos desenvolvidos. Durante a safra, os impactos da pandemia fizeram com que muitas atividades presenciais fossem interrompidas. Para fazer frente à crise, foram desenvolvidas dinâmicas à distância, e realizadas parcerias que possibilitaram a confecção e distribuição de 9.000 de máscaras e doação de verduras e 280 cestas básicas para famílias da região.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram