JornalCana

TEAM BUILDING na jornada Agroindústria 5.0:

Preparando o profissional AGROEXPERT 5.0 para a transformação digital e de inteligência artificial no setor sucroenergético 

Estamos preparados para essa [R]Evolução? O setor sucroenergético é exemplo pela sua capacidade de absorção de novas tecnologias e desenvolvimento sustentável. Isso só é realidade pelo empenho, capacidade e perseverança dos profissionais que atuam no dia a dia do campo e da indústria. Agora é a vez da Transformação Digital e Inteligência Artificial, por uma nova missão: a Jornada Agroindústria 5.0.

O sucesso e exploração plena dos benefícios da Revolução da Industrial 5.0 dependem da mudança de mentalidade (mindset) da liderança e da formação de um novo profissional: o Agroexpert 5.0. Estamos preparados para receber esse upgrade em nossa cognição humana pela Inteligência Artificial e dispostos a nos preparar adequadamente para essa nova missão?

LEIA MAIS > No Brasil, 48% das empresas pretendem contratar no 1º trimestre de 2024, aponta pesquisa do ManpowerGroup

Não Existe Revolução Sem Quebra de Paradigmas e Modelos Mentais. Paradigmas são modos de conduta que, com o passar do tempo, se tornam enraizados e consolidados em nossa maneira de pensar, agir e reagir. A quebra de paradigmas, nas empresas, é um constante e árduo desafio por significar “o rompimento de um modo ou padrão de pensamento ou ação já praticados por muito tempo e substituí-lo pela novidade”. Isso não precisa ser árduo, pois é necessário para o avanço tecnológico e sustentabilidade das corporações. Trata-se de uma evolução natural causada pelas revoluções científicas que, em sua essência, significa mudar os padrões de pensamentos e comportamentos atuais e a maneira como fazemos as coisas por novos modelos frutos da descoberta de novos conhecimentos e novas tecnologias. Mas, o novo, na grande maioria das vezes, e ainda mais quando é desconhecido, proporciona desconfianças, inseguranças e incertezas, nos prendendo aos nossos padrões atuais, limitando nosso desenvolvimento tanto emocional como profissional. Portanto, é paradoxal pensarmos em revolução tecnológica sem quebra de paradigmas e modelos mentais. Se quisermos conduzir realmente o setor sucroenergético ao patamar da Agroindústria 5.0, está mais do que na hora de rompermos nossos paradigmas e modelos mentais.

LEIA MAIS > Centro de Pesquisa em Engenharia Fitossanidade em Cana-de-Açúcar oferece vaga de pós-doutorado

Se não quer ser substituído pela máquina, não haja como uma”! Definitivamente, as tecnologias como Mineração de Dados, Aprendizado de Máquina, Visão Computacional, Computação Cognitiva e Programação em Nuvem, aliadas a um conhecimento Agronômico Profundo, Bioestatística, Ecoinformática, Modelagem de Culturas e Internet das Coisas, estão se tornando as responsáveis pela descoberta de novos conhecimentos escondidos em bilhões de informações coletadas a cada dia sobre o Manejo de Culturas. Para completar, os Sistemas de Previsão e Suporte à Tomada de Decisões Assertivas serão os tomadores de decisões das recomendações de monitoramento e utilização de cada insumo, defensivo e operação a serem realizadas no local correto, na hora certa e da melhor forma possível. A cognição humana é limitada e jamais conseguiremos analisar bilhões de informações, quatrilhões de combinações possíveis e tomar a decisão correta para sistemas complexos em cada situação que temos.

Não teremos chance se tentarmos competir com a máquina. Portanto, seja mais humano do que nunca, mas preparado para a [R]Evolução!

LEIA MAIS > Nova usina de etanol de trigo no RS promete impulsionar aviação agrícola

É preciso desenvolver as habilidades do novo profissional para a Agroindústria 5.0. Cabe a nós então realizarmos o que nenhuma máquina consegue fazer, para não ser substituído por ela. Além disso, ter “o conhecimento para manipular e operar as máquinas para realizarem o que cabe a elas na Era Digital e da Inteligência Artificial. Cada um no seu quadrado.” Segundo o Fórum Econômico Mundial, as seguintes habilidades comportamentais que serão arrebatadoras são:

  1. Resolução de problemas complexos
  2. Pensamento crítico
  3. Criatividade
  4. Liderança e gestão de pessoas
  5. Trabalho em equipe
  6. Inteligência emocional
  7. Julgamento e tomada de decisões
  8. Orientação a serviços
  9. Negociação
  10. Flexibilidade cognitiva

LEIA MAIS > COFCO International realiza doação de energia elétrica para unidades do Hospital de Amor

A criação do Team SMARTFARMING e o desenvolvimento de cada AGROEXPERT5.0 é de primordial importância durante a Jornada Agroindústria 5.0. Não temos mais barreiras tecnológicas para esse avanço. Contamos com uma Plataforma Completa, Integrada e na Palma da Mão para Operação, Monitoramento, Manejo e Gestão de Culturas 5.0. Algo exclusivo no mundo. No entanto, precisamos de profissionais preparados para organizar e levar essa avalanche de inovações tecnológicas até nossos parceiros, as usinas e associações de fornecedores para receber, implantar e conduzir tecnologias, soluções e serviços que realmente promovam maximização da produtividade e sustentabilidade do setor. Foi pensando nisso que criamos, dentro do SMARTBREEDER ACADEMY, em parceria com o PECEGE o Programa de MBA exclusivo, disruptivo e completo para a Formação de Profissionais e para o Credenciamento de Consultores SMARTBREEDER: O AGROEXERT5.0: Ciência, Tecnologia e Liderança na Jornada Agroindústria 5.0.

Seja um AGROEXPERT5.0 você também! O setor sucroenergético precisa de nós!

SMARTBREEDER

Sua parceira na Jornada AGROINDÚSTRIA 5.0.

Por Prof. Dr. Éder A. Giglioti

Esta matéria faz parte da edição 348 do JornalCana. Para ler, clique aqui.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram