fbpx
JornalCana
Navegação na tag

aviação

Iniciativa reforça agendas de sustentabilidade das duas empresas, contribuindo com a descarbonização do setor

Raízen e Embraer firmam parceria que estimula produção de combustível de aviação sustentável (SAF)

A Raízen e a Embraer assinaram neste domingo (17), uma Carta de Intenções com o compromisso de estimularem o desenvolvimento do ecossistema de produção de combustível de aviação sustentável (SAF, na sigla em inglês), reforçando a agenda de sustentabilidade das duas empresas. Entre as intenções, a Embraer irá se tornar a primeira fabricante de aeronaves a consumir SAF que poderá ser…
Leia mais...

Teste foi feito em parceria com fabricante de motores Pratt & Whitney em jato E195-E2

Embraer completa teste de voo utilizando 100% de combustível sustentável

A Embraer e Pratt & Whitney, empresa que atua no ramo de motores de aviões, realizaram o teste bem-sucedido com motores GTF na aeronave E195-E2 utilizando 100% de combustível sustentável de aviação, chamado de SAF. O teste comprovou que os motores GTF e a família de E-Jets E2 podem voar com ambos os motores com blends de até 100% SAF, sem comprometer a segurança ou a performance. A…
Leia mais...

Representantes do MME apresentaram políticas públicas como o RenovaBio e proposta de marco legal para o combustível de aviação sustentável

MME participa de congresso sobre biocombustíveis para aviação

O Ministério de Minas e Energia (MME), por meio de representantes da Secretaria de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (SPG), participou na última semana do 2º Congresso da Rede Brasileira do Bioquerosene de Aviação, em Natal (RN). O congresso promoveu a interação de atores envolvidos na produção e utilização de combustíveis alternativos, principalmente o bioquerosene para aviação,…
Leia mais...

Marinha dos EUA aposta no uso de biocombustíveis para navios e jatos

A Marinha dos Estados Unidos está apostando na viabilidade dos biocombustíveis, tanto que, a previsão é que se gaste menos 37 milhões de galões em biocombustíveis, que podem ser misturados com o F-76 marine diesel e JP-5 combustível de jato. No passado, a Marinha pagou até 30 dólares por galão de biocombustível, para uso em testes de navios e aviões. Para Dennis McGinn, secretário…
Leia mais...
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram