fbpx

Syngenta reafirma compromisso com a segurança alimentar

img7949

A Syngenta lançou a quarta edição de seu Relatório de Sustentabilidade, documento que obedece às diretrizes da GRI – Global Reporting Initiave, organização não-governamental criada pelo Pnuma – Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, e que reúne as conquistas econômicas, ambientais e sociais mais relevantes da empresa durante o ano passado no Brasil. O compromisso da empresa com a segurança alimentar é um dos destaques. Por meio de ações que conectam pessoas, meio ambiente e tecnologia, a companhia tem realizado abordagens de negócio que permitem conciliar aumento de produtividade e gerenciamento sustentável dos recursos naturais.

Entre as ações desenvolvidas para pequenos e médios produtores no Brasil, o Relatório de Sustentabilidade 2012 apresenta programas como Centro-Sul de Feijão e Milho, no Paraná, que transfere tecnologias para cerca de 120 mil agricultores (sendo 97 mil produtores familiares) de 61 municípios. Para as novas gerações, a Syngenta investe no Projeto Escola no Campo, estruturado há 21 anos para promover a conscientização de alunos de escolas públicas rurais. Desde então, já foram impactados 420 mil crianças e adolescentes. Em 2012, esse projeto foi desenvolvido junto a 26 mil alunos de 622 escolas de 188 municípios de todas as regiões do país.

Iniciativas como Água Viva, para a recuperação de nascentes, oferecem treinamentos que formam multiplicadores nos Estados de São Paulo, Goiás e Alagoas. No ano passado, essas ações formaram 1,2 mil pessoas e ao menos 120 nascentes foram recuperadas. Desde seu lançamento, o Água Viva já recuperou aproximadamente 6 mil nascentes.

Esses projetos, relatados pelos próprios envolvidos em cada um deles, garantem oferta integrada de defensivos, soluções agronômicas, biotecnologia, mecanismos de financiamento e de acesso a mercados, operações de barter, treinamentos e workshops para transferência de conhecimento e tecnologias. “A Syngenta tem como meta ser reconhecida como parceira global na produção sustentável de alimentos e, para tanto, temos de gerar valor para todos os nossos parceiros: produtores, trabalhadores rurais, fornecedores, acionistas e a sociedade em geral”, afirma Laércio Giampani, presidente Brasil da Syngenta.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X