JornalCana

Solução turn key para indústrias

AEI Assistech oferece serviço em Automação, Elétrica e Instrumentação

Cada vez mais, as empresas buscam implementar novas tecnologias nas operações, visando otimizar a produção e implementar a Indústria 4.0. Criada há cinco anos, a AEI Assistech oferece uma gama de serviços e soluções neste sentido, para segmentos industriais diversificados desde os mais simples até os mais complexos.

A empresa é integradora de sistemas, dedicada ao fornecimento de serviços e produtos relacionados as áreas de Automação, Elétrica e Instrumentação.

“Temos como característica a alta capacidade de identificar as necessidades dos clientes e de seus processos industriais”, explica Jovenilson Silva, diretor comercial e de engenharia da empresa que tem sede em Sertãozinho (SP). Segundo ele, a AEI Assistech fornece projetos e especificações de elétrica e instrumentação; serviços de montagem de elétrica e instrumentação; sistemas de automação com fornecimento de painéis de controle e CCM’s de baixa tensão.

Jovenilson Silva, diretor comercial e de engenharia da AEI Assistech

Também fazem a manutenção em Analisadores de Gases (O2 e O2+CO), equipamentos que analisam, controlam e asseguram a emissão de gases conforme aplicação nos processos industriais. Atualmente, serviço procurado principalmente pelas empresas que necessitam manter as informações de emissão em tempo real e manter históricos para melhorias na eficiência de geradores de vapor e equipamentos auxiliares como por exemplo precipitadores eletrostáticos. Este aparelho é desenvolvido para gerir a qualidade de processos e manter o controle de gases poluentes.

Além de evidenciar a busca pela produção sustentável, a crise gerada pela COVID-19 impulsionou a transformação digital, assim, o setor industrial precisará passar por uma grande jornada para se reestabelecer no pós-pandemia. Contar com uma equipe especializada para ajudar neste sentido é o ideal e os projetos elaborados pela AEI Assistech possibilitam aos seus clientes melhorarem o ciclo de vida produtivo e a produzir com mais sustentabilidade.

diretor de Assistência Técnica / Automação da AEI Assistech.

“Temos uma equipe qualificada e know-how técnico, com disponibilidade de atendimento continuo em regime de Hxh, com a quantidade de profissionais necessários para cumprir prazos, este é outro diferencial da empresa. Nossos técnicos em automação são especializados em configuração de PLC’s e supervisórios”, explica Ivan Assis, diretor de Assistência Técnica / Automação da empresa AEI Assistech.

O retrofit de equipamentos e sistemas vem sendo adotado pelas empresas visando a modernização de seus parques industriais, com custo inferior ao de novas aquisições e garantindo assim que a evolução tecnológica, tão necessária atualmente, se converta em diversos benefícios como aumento de produtividade,

redução de riscos, entre outros. “É uma alternativa para as empresas que querem modernizar seus equipamentos com os melhores serviços e conseguir mais resultados”, afirma Thiago Rocha, diretor de Montagem de Elétrica e Instrumentação da AEI Assistech.

Thiago Rocha, diretor de Montagem de Elétrica e Instrumentação da AEI Assistech

A empresa fornece um portfólio de serviços neste sentido, com experiência comprovada nos principais controladores, linguagens de programação e protocolos de comunicação existentes no mercado para manter a integridade e funcionamento dos sistemas. “Fornecemos a programação destes sistemas de controle, desenvolvendo soluções modernas e com o melhor custo benefício, aumentando a produtividade, disponibilidade da planta e qualidade dos produtos. Integramos o sistema de supervisão, controle e gerenciamento dos processos, permitindo que os dados dos processos sejam disponibilizados de forma a auxiliar na tomada de decisões”, afirma Álvaro Piedade, diretor de Automação da AEI Assistech.

Clientes atendidos pelo mundo afora

Álvaro Piedade, diretor de Automação da AEI Assistech.

A AEI Assistech atende clientes no Brasil e em outros países, com projetos executados na Berneck; Usina Cocal; GranBio; Usina Caeté, GreenPlac, Grupo Atvos; Grupo Coruripe; Ipiranga Agroindustrial; Usina São Luís; Bahia Etanol; Grupo Tereos; SiempelKamp (Alemanha); Grupo Azucareiro Del Tropico e GC (México); Papel Misionero (Argentina), entre outros. Também em empresas fornecedoras de caldeira como a Caldema, CBC, HPB Engenharia e Zanini.

“Na Usina São Luiz, localizada em Ourinhos (SP), fizemos a montagem de elétrica e instrumentação da osmose, com a instalação de CCM novo; readequação do anel de fibra óptica da usina completa; reforma de elétrica e instrumentação da caldeira 06. Além da startup de automação da nova caldeira de grelha, fornecimento de laudos de aterramento e SPDA”, explicou Jovenilson Silva.

De acordo com Leandro Arruda, gestor de Energias da Usina São Luiz, trata-se de uma excelente parceria com a AEI Assistech, com a execução de alguns projetos nos últimos três anos como por exemplo um retrofit da termoelétrica.

Foi instalado um novo sistema de tratamento de águas por Osmose Reversa; sistemas de transportadores de biomassa; uma caldeira de alta pressão; casa de força, entre outros equipamentos.

Empresa tem sede em Sertãozinho (SP)

“A AEI Assistech nos forneceu serviços de qualidade, praticando um bom planejamento, organização e ótimo cumprimento dos prazos. A empresa traz em seu time profissionais com bastante experiência e atualização tecnológica, sempre oferendo soluções modernas, seguras e com o melhor custo–benefício.

A São Luiz está bastante satisfeita com a escolha de trazer a Aei Assistech como parceira dos nossos negócios”, assegura Arruda.

A empresa fez também a montagem da caldeira HPB para a Ipiranga (220 Ton/h, 67 kgf/cm²) com precipitador eletrostático.

“Para este cliente, fornecemos a montagem de elétrica e instrumentação completa”, contou Thiago Rocha. “O conhecimento e o acompanhamento de pessoas com experiência fazem a diferença nesta empresa. Nossos contratos que foram conduzidos pela AEI Assistech carregaram muita responsabilidade e comprometimento garantido sucesso nos fornecimentos”, afirmou José Henrique Pizzo, gerente de Produtos Pós Venda na HPB.

Já para a Caramuru, um dos principais grupos brasileiros no processamento de soja, milho, girassol e canola, a AEI Assistech forneceu serviços de automação para o sistema de descarregamento e carregamento de balsa no Porto Itaituba (PA), onde a empresa de alimentos faz o escoamento de alguns de seus produtos.

Também realizou a automação para a unidade da Cofco, em Rondonópolis (MT). Ali foi instalado o sistema de proteção das esteiras com aproximadamente 500 sensores para o sistema de desalinhamento, com monitoramento de temperatura dos mancais, chaves de emergência e vigia de rotação, além da automação das transportadoras de grãos.

Para a Unidade Cruz Alta, da Tereos, foi feita a automação e montagem da caldeira, (240 Ton/h, 67 kgf/cm²) com precipitador eletrostático. A AEI-Assistech forneceu o projeto e fabricação dos painéis de automação, configuração do PLC e supervisório, montagem de elétrica e instrumentação completa.

No caso da Berneck, a AEI Assistech implantou a automação no sistema das esteiras de distribuição de cavaco, com a alimentação de biomassa e monitoramento e controle do sistema de distribuição de energia.

“Prestamos serviços para a Usina Ipiranga, Combio, Usina Santa Adélia, Grupo Atvos, Cocal  Paraguaçu e implantamos projetos internacionais completo como por exemplo, a instalação de uma turbina de 25 Mw para o grupo La Joya, no México, incluindo montagem de elétrica e instrumentação, desenvolvimento de lógica e supervisório, comissionamento e startup ”, concluiu Jovenilson Silva.

Esta matéria faz parte da edição de Outubro do JornalCana.

Clique AQUI para conferir!

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram