fbpx

Setor ganha nova entidade. Um dos objetivos é “empoderar a produção nacional”

Cunha, presidente do Sindaçúcar-PE, assume o comando da nova entidade (Foto: JornalCana/Divulgação)

O setor sucroenergético ganha nova entidade: a Associação de Produtores de Açúcar e Bioenergia. Criada oficialmente na segunda-feira (01/04) na sede do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool no Estado de Pernambuco (Sindacúcar-PE), em Recife, ela chega com objetivos bem definidos.

Esses objetivos estão incluídos no planejamento estratégico da recém-criada Associação, que tem na presidência Renato Cunha, que também comanda o Sindaçúcar-PE.

Confira 4 dos objetivos da Associação, segundo Cunha:

1 – Emponderar as teses genuínas da produção nacional, sem xenofobias

2 – Incrementar a competitividade, a produção nacional, políticas de renda, empregos e sustentabilidade para o segmento sucroenergético

3 – Enfrentar as muitas distorções, acentuadas nos últimos anos, sobretudo fruto do desequilíbrio existente nos mercadores compradores dos produtos das unidades produtoras

4 – Preservar a conduta construtiva dentro do Fórum Nacional Sucroenergético, que tem o caráter de reunir entidades de  classe de todo o país

Quem participou da criação da entidade:

  • 30 membros de empresas produtoras dos estados do Pará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo e Goiás.

Meta de abrangência: 

  • Chegar entre 45 a 50 membros ainda esse ano.

Quem também integra o comando da Associação: 

  • O presidente do Conselho é Pedro Robério Nogueira, presidente do Sindaçúcar de Alagoas. O corpo gestor é integrado pelos presidentes das entidades estaduais do Pará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Paraíba e Bahia.
  • A Associação de Produtores de Açúcar e Bioenergia já nasce também com integrantes estabelecidos em Goiás e no Espírito Santo.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X