JornalCana

Sem consenso no processo do açúcar na OMC

Representantes do Brasil, Austrália e Tailândia e da União Européia não chegaram a um consenso, ontem, dia 23, primeira reunião marcada para a escolha dos “panelistas”, que serão responsáveis pelo acompanhamento do processo aberto pelo governo brasileiro contra a política para o açúcar da Europa, na Organização Mundial do Comércio (OMC).

Na próxima semana, os países voltarão a se encontrar para escolher os indicados. Se não houver consenso, o diretor-geral da OMC poderá indicar os nomes dos “panelistas”.

Brasil, Austrália e Tailândia questionam as exportações subsidiadas pelos europeus do açúcar importado das nações ACP (África, Caribe e Pacífico) e os subsídios indiretos do bloco da chamada Cota C.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram