fbpx
JornalCana

Rei do etanol muda de opinião e diz que Dilma está “na direção certa”

Em entrevista concedida ao jornal Folha de S. Paulo, o presidente do conselho de administração da Cosan, Rubens Ometto, considerado o rei do Etanol, disse que a presidente Dilma Rousseff “mudou muito” e que o governo está “indo na direção certa”. O empresário, que no primeiro mandato de Dilma fez duras críticas à gestão da presidente, se mostrou mais otimista agora.

Ele falou com a Folha em Nova York, onde participou de encontro com a presidente e do seminário de infraestrutura promovida pelo governo. Em maio do ano passado, Ometto havia dado declarações em que apontava que o Brasil vivia uma onda de pessimismo, alimentada pela deterioração econômica, com o Estado direcionando o rumo de vários setores com a mão de ferro da intervenção.

Ometto disse que seus negócios podem sofrer “um pouquinho” até o primeiro semestre de 2016, mas que os ajustes são necessários, citando o trabalho que Dilma e o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, estão fazendo de trazer à tona todo o negócio que estava “embaixo do tapete”. “O difícil é entrar no negócio da areia movediça, que você não sabe a profundidade. Por isso, tem que fazer [o ajuste]. Para pular, precisa abaixar um pouquinho. Estamos abaixando para ter energia para pular”, disse.

Ele reforçou que não está pessimista e que o Brasil está mostrando que as instituições funcionam independentemente de quem seja. “Um monte de coisa está sendo trazido à tona. No passado, você não sabia o que acontecia. Hoje, você está sabendo”, comentou.

Ometto elogiou ainda o lançamento da nova fase de concessões, mas disse que o grupo não tem interesse em aderir ao programa neste momento, citando que o medo é querer fazer um monte de coisas e não fazer nada.

Sobre os cortes que a Petrobras anunciou que fará em seus investimentos, o controlador da Cosan disse que isso afeta um pouco os negócios da companhia, mas teria que ser feito. Para ele, outros grupos substituirão essa eventual redução de investimentos da petrolífera.

Fonte: (InfoMoney)

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram