fbpx
JornalCana

Raízen vai investir R$ 150 milhões em nova planta para gerar bioeletricidade

Companhia foi vencedora de leilão realizado na quinta-feira (30)

A Raizen foi a vencedora do Leilão de Energia Elétrica nº35 (“Leilão de Energia Nova – LEN A-5/2021”), realizado na quinta-feira (30), para produção e comercialização de energia elétrica a partir da biomassa da cana-de-açúcar, pelo período de 20 anos.

“Como consequência, a Raízen Energia firmará determinados contratos de comercialização de energia em ambiente regulado pelo preço mínimo de R$ 273/MWh (duzentos e setenta e três Reais por Megawatt hora)”, informou a empresa em nota.

LEIA MAIS > Biomassa lidera volume comercializado em leilão

Além disso, a fim de cumprir os requisitos estipulados pelo Leilão A-5, a Raízen Energia irá investir aproximadamente R$ 150 milhões para construção de uma nova planta na  Unidade Bionergia Paraguaçú, localizada em Paraguaçu Paulista – SP,  para geração de bioeletricidade, aumentando a sua capacidade de produção em 105.000 MWh/ano.

De acordo com a companhia, “essa operação reforça o compromisso da Raízen em disponibilizar aos seus clientes, produtos e soluções que permitam a redução das emissões de gases do efeito estufa, através do aumento da eficiência e da circularidade de seus processos, apoiando a descarbonização da matriz energética global”.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram