fbpx

Pronaf disponibiliza R$ 100 milhões para o cultivo de mamona

O Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) vai disponibilizar uma linha de crédito no valor de R$ 100 milhões, para incentivar o cultivo da mamona. A oleaginosa é uma das principais matérias-primas a serem utilizadas para a fabricação de biodiesel. O anúncio foi feito pelo ministro da ciência e Tecnologia, Eduardo Campos, ao participar de seminário sobre biodiesel e o Nordeste.

Segundo Campos, a meta é beneficiar até 2006, 38 mil famílias, sendo 30 mil no semi-árido nordestino, com o cultivo do vegetal. Ele informou que a participação dos agricultores familiares na produção de mamona permitirá geração de renda adicional de R$ 100 milhões/ano, para as famílias envolvidas no programa.

“Nossa expectativa é a de que a produção do biodiesel abra perspectiva para as exportações e reduza a importação de diesel, que custa hoje aos cofres públicos, US$ 1,2 bilhões por ano”, defendeu o ministro. O ministro informou que o Brasil consome 37 bilhões/ano de litros de diesel, dos quais, 6 bilhões (15%) são importados. Reconheceu que mesmo que o país alcance auto-suficiência na produção de petróleo, haverá necessidade de importar diesel comum, porque boa parte do óleo extraído em território nacional não tem qualidade para produção do combustível.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X