fbpx

Produção de etanol no centro-sul cai 39,28% na 1ª quinzena de maio

A produção de etanol da região centro-sul atingiu 1,3 bilhão de litros no acumulado da safra 2012/2013 até 15 de maio, queda de 39,28% em relação aos 2,17 bilhões de litros no mesmo período da safra anterior. Segundo a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), deste total, 1,19 bilhão de litros foi de etanol hidratado, e 124,6 milhões de litros, de etanol anidro.

Na primeira quinzena de maio, o volume produzido somou 772,81 milhões de litros, dos quais 599,89 milhões de litros são de etanol hidratado, e 172,92 milhões, de litros de etanol anidro. No total, a produção de etanol caiu 39% na quinzena, ante 1,27 bilhão de litros registrados no ano passado.

No acumulado desde o início da atual safra, a fabricação de açúcar alcançou 1,57 milhão de toneladas, declínio de 33,89% relativamente a igual período da safra 2011/2012. Entre 1º e 15 de maio, a fabricação de açúcar somou 1,02 milhão de toneladas, contra 1,56 milhão de toneladas no mesmo período de 2011, retração de 34,20%.

Em relação ao mix de produção, do volume total de cana-de-açúcar processado na primeira quinzena de maio, 45,11% destinaram-se à fabricação de açúcar, e 54,89%, à de etanol. No acumulado desde o início da safra 2012/2013, a proporção de matéria-prima direcionada à produção de etanol atingiu 57,42%.

A concentração de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR) por tonelada de cana atingiu 113,67 quilos nos primeiros 15 dias de maio, queda de 0,50% sobre a mesma quinzena de 2011. No acumulado da atual safra, a quantidade de ATR alcançou 110,21 quilos por tonelada de matéria-prima, alta de 1,79%.

Vendas

Já as vendas totais de etanol pelas unidades do centro-sul brasileiro, do início de abril ao fim da primeira quinzena de maio, somaram 2,14 bilhões de litros, 11,58% acima do registrado no mesmo período da safra anterior. Nesse período, o volume de etanol direcionado ao atendimento do mercado interno alcançou 2,02 bilhões de litros, sendo 1,29 bilhão de litros de etanol hidratado e 729,97 milhões de litros de anidro. O mercado interno contou com um volume 8,09% superior àquele observado no mesmo período do ano passado.

Na primeira quinzena de maio, o volume de etanol comercializado foi 748,22 milhões de litros. Do total, 51,19 milhões de litros destinaram-se à exportação, enquanto 697,02 milhões de litros, ao mercado interno.

Nesse mercado, as vendas de etanol hidratado subiram 2,98% em relação a 2011, com 442,45 milhões de litros comercializados. As vendas domésticas de anidro alcançaram 254,57 milhões de litros, contra 329,94 milhões de litros verificados no mesmo período de 2011.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X