fbpx
JornalCana

Produção de açúcar é 44,16% em relação ao ciclo 2019/2020

Foram produzidas 38,09 milhões de toneladas até o momento

Produção de açúcar é 44,16% superior ao que foi produzida no ciclo 2019/2020

A produção acumulada de açúcar na safra 2020/2021 atingiu a marca de 38,09 milhões de toneladas, com elevação de 44,16% em relação ao ciclo 2019/2020. O índice representa um recorde histórico da quantidade de adoçante produzido.

Na segunda quinzena de novembro, foram produzidas 427 mil toneladas de açúcar, valor 22,61% superior ao observado no mesmo período da safra 2019/2020.

Como reflexo, 46,30% da cana-de-açúcar foi destinada à produção de açúcar até o 1º de dezembro, ante 34,59% registrados na mesma data de 2019.

A despeito desse fato, na safra 2020/2021 a maior parte da cana-de-açúcar processada (53,70%) continua a ser direcionada para a fabricação de etanol.

LEIA MAIS > 214 usinas do Centro-Sul já encerraram a safra 2020/2021

O volume de etanol fabricado na quinzena, por sua vez, registrou queda de 22,55%, com um total de 587 milhões de litros produzidos. O volume de etanol anidro aumentou 18,63%, atingindo 353 milhões de litros. A produção de etanol hidratado, em sentido contrário, apresentou redução de 49,16%, totalizando 234 milhões de litros.

Na segunda quinzena de novembro, 176,27 milhões de litros de etanol hidratado foram convertidos em etanol anidro, aumentando a oferta do biocombustível.

Fabricação de etanol de milho pode quase dobrar na comparação do ciclo 2020/2021

“A fraca demanda por hidratado estimulou a desidratação do produto e a conversão em etanol anidro, que deve ter oferta garantida na entressafra. A produção interna é suficiente para garantir a mistura obrigatória durante o período de pausa na moagem sem a necessidade de importação de produto”, explicou o diretor técnico da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA), Antonio de Padua Rodrigues.

No acumulado desde o início da safra até 1º de dezembro, a produção de etanol alcançou 28,91 bilhões de litros, dos quais 19,51 bilhões de litros de etanol hidratado e 9,41 bilhões de litros de etanol anidro.

LEIA MAIS >  São Domingos aposta em ferramenta de inteligência artificial para bater recorde agrícola

Em relação ao etanol de milho, foram fabricados 115,88 milhões de litros na segunda metade de novembro de 2020. No agregado desde o início da safra 2020/201 até 1º de dezembro, a produção somou 1,64 bilhão de litros, com um aumento de 84,85% sobre o volume apurado para o mesmo período de 2019.

Rodrigues esclarece que “se mantido o ritmo de produção observado até o momento, a fabricação de etanol de milho pode quase dobrar na comparação do ciclo 2020/2021 com o volume ofertado em 2019/2020”.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram