JornalCana

Preços do açúcar e álcool mais firmes do que em 2003

Os preços do álcool e do açúcar estão firmes em pleno período de safra, com o suporte da demanda no mercado interno e das boas exportações, segundo especialistas ouvidos pelo JornalCana.

No caso do açúcar, a sustentação dos preços na bolsa de Nova York tem ajudado a dar suporte aos preços do produto no mercado doméstico. Segundo levantamento do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), a cotação do açúcar em São Paulo está ligeiramente mais valorizado que no mesmo período da safra passada, a 2003/04, em valores absolutos.

A saca de 50 quilos do açúcar fechou a R$ 30,30 no mercado paulista, com ligeira valorização sobre o mesmo período do ano passado, quando encerrou a R$ 30,21 no período.

A diferença de preços para o álcool é ainda maior. O litro do anidro (sem impostos) encerrou no dia 13 de agosto a R$ 0,76052, 6% superior na comparação com o mesmo período do ano passado. O hidratado encerrou a R$ 0,65825 (sem impostos), no mercado paulista, com alta de 7,8% sobre o mesmo período do ano passado.

Segundo o Cepea, os compradores domésticos estão com interesse na compra de açúcar, interessados em contratos de longo prazo.

Neste primeiro semestre, a demanda por álcool no mercado internacional foi grande, com quase 1 bilhão de litros negociados. Os Estados Unidos foram os principais importadores do combustível, uma vez que os preços do petróleo no exterior estão elevados.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram