fbpx

Portos registram recorde de fertilizantes

Se depender do volume de fertilizante importado pelos Portos do Paraná, já se pode ter uma idéia de como será a safra agrícola do próximo ano. Levantamento realizado pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA) mostra que dos 43 navios ao largo aguardando para atracar ontem, 27 eram para descarga de mais de 630 mil toneladas de fertilizantes.

A continuidade do recebimento da carga em meados de setembro é considerada como algo inédito na história recente do Porto. Dados fornecidos pelo Setor de Estatística da APPA revelam que no mesmo período de setembro de 2002, não passava de 20 o número de embarcações ao largo e, deste total, apenas estavam carregados com fertilizantes.

Com o crescente volume de desembarques, o fertilizante vem sendo uma das principais cargas movimentadas pelos dois portos paranaenses. Ontem, 5 embarcações descarregavam o produto no Porto de Paranaguá e outras 3 operavam no Porto de Antonina, totalizando 254.185 toneladas.

Como já noticiou o JornalCana, de janeiro a agosto o Porto movimentou mais de 22 milhões de toneladas, enquanto que no mesmo período de 2002, o volume chegou a pouco mais de 19 milhões. Ao avaliar a grande movimentação portuária, o superintendente da APPA, Eduardo Requião, falou do novo recorde a ser batido pelos Portos do Paraná. “Ao ultrapassarmos o total de 2002, estaremos solidificando a imagem dos terminais paranaenses nos mercados nacional e internacional; Estamos mais que prontos para superar números passados, porque contamos com uma nova visão de administração portuária, uma administração voltada à retomada do crescimento, à busca de novos mercados e à manutenção de clientes”, disse Requião.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X