JornalCana

Pólo Canavieiro do Sertão pode ter apoio do governo da Bahia

A primeira reunião plenária da União Nordestina dos Produtores de Cana (Unida), realizada hoje em Salvador (BA) está deixando animada a diretoria da instituição. De acordo com o secretário-geral da Unida, Gregório Maranhão, o governo da Bahia apresentou uma “boa receptividade e aceitação” ao projeto de implementação do Pólo Canavieiro do Sertão, que tem como objetivo introduzir o cultivo da cana-de-açúcar no semi-árido nordestino através da utilização de técnicas de irrigação. A Unida se comprometeu a entregar par o governo da Bahia um resumo técnico do projeto nos próximos dias.

Além da estruturação de um pólo canavieiro na região do semi-árido nordestino, a reunião também está discutindo temas como a criação do Fundo de Pensão dos Canavieiros (unidaprev), que seria composto por cerca de 20 mil associados e teria uma receita média anual estimada entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões, a implantação do sistema integrado de compras – pelo qual os fornecedores de cana poderiam efetuar compras com descontos através de uma rede de lojas interligadas -, a renegociação da dívida setorial com o Banco do Brasil e a utilização de modernas técnicas de irrigação para cultura canavieira, entre outros assuntos.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram