fbpx

Pesquisadores investigam nova espécie de cigarrinha da raíz

img10210

Crédito: Agrobyte

Até o ano passado, os pesquisadores do IAC acreditavam que a cigarrinha da raíz em cana pertencia a uma única espécie, a Mahanarva fimbriolata, mas chegaram a conclusão de que havia outra muito parecida a Mahanarva spectabilis. As duas espécies foram registradas na região de Ribeirão Preto e em diversas outras. Mas uma terceira espécie já foi vista em Goiás e em outras áreas porém ainda não foi identificada pela equipe da professora e pesquisadora do IAC, Leila Dinardo-Miranda. “Na maioria das regiões existem as duas espécies e a outra os pesquisadores do IAC ainda não sabem se já foi identificada ou se é espécie nova. Assim, peço que as usinas enviem suas amostras para o IAC, inclusive o pessoal do Nordeste. O que percebo é que muitas vezes, as duas espécies já conhecidas existem no mesmo talhão”, diz.

A pesquisadora afirma que as usinas têm dificuldades no controle e isso não está relacionado às duas espécies diferentes. “Os inseticidas ainda controlam bem mas o uso incorreto de alguns produtos levou a alguma resistência da praga, porém vamos investigar melhor essa questão. Ela nunca perdeu sua importância no país”, afirma.

A especialista lembra que encontrou a suposta nova espécie na região de Goiás. “Até abril quero coletar material suficiente para ter um melhor panorama da praga e até agosto e setembro mapear sua ocorrência”, conclui.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X