fbpx

[O que é o Renovabio] Instrumentos principais do RenovaBio

Na sequência da série que explica em detalhes o RenovaBio, apresentamos quais são os principais instrumentos do programa de fomento a produção de etanol e outros biocombustíveis no Brasil.

Leia mais: [O que é o Renovabio] Objetivos da Política Nacional de Biocombustíveis

Para atingir seus objetivos, o RenovaBio foi desenhado para introduzir mecanismos de mercado para reconhecer a capacidade de cada biocombustível para redução de emissões, individualmente, por unidade produtora.

Basicamente, são dois os instrumentos principais:

1) Estabelecimento de metas nacionais de redução de emissões para a matriz de combustíveis, definidas para um período de 10 anos. As metas são importantes para trazer previsibilidade, em termos de necessidade volumétrica de combustíveis (fósseis e renováveis) nesse horizonte temporal, e assim permitir que os agentes privados façam seus planejamentos e análises de investimento em um ambiente com menos incerteza. As metas nacionais serão desdobradas em metas individuais, anualmente, para os distribuidores de combustíveis, conforme sua participação no mercado de combustíveis fósseis;

Leia mas: 3 desafios do modelo proposto pelo RenovaBio segundo a Petrobras

2) Certificação da produção de biocombustíveis, atribuindo-se notas diferentes para cada produtor (maior será a nota para o produtor que produzir maior quantidade de energia líquida, com menores emissões de CO2, no ciclo de vida). A nota refletirá exatamente a contribuição individual de cada agente produtor para a mitigação de uma quantidade específica de gases de efeito estufa em relação ao seu substituto fóssil (em termos de toneladas de CO2e).
A ligação desses dois instrumentos se dará com a criação do CBIO (Crédito de Descarbonização por Biocombustíveis). Será um ativo financeiro, negociado em bolsa, emitido pelo produtor de biocombustível, a partir da comercialização (nota fiscal). Os distribuidores de combustíveis cumprirão a meta ao demonstrar a propriedade dos CBIOs em sua carteira.

Leia mais: Qual a relação entre a soja e o RenovaBio

Modelo de funciomaneto do RenovaBio

No esquema a seguir, apresenta-se, resumidamente, o modelo de funcionamento do RenovaBio, com as metas nacionais de redução de emissões sendo desdobradas para metas individuais para os agentes regulados (distribuidoras de combustíveis) e a emissão do CBIO pelos produtores/importadores de biocombustíveis certificados. A explicação detalhada dos instrumentos é realizada neste documento, em partes a frente.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X