fbpx

Norcana movimentará R$ 2 milhões no Recife

cana_de_acucar_bb_0_3Inicia nesta terça-feira, dia 16 de setembro e segue até dia 18, a Norcana, realizada na sede da AFCP, em recife (PE). O evento reunirá rodadas de negócios de insumos, ferramentas e máquinas para a lavoura canavieira, ciclo de palestras técnicas, além de exposições tecnológicas para canavieiros de todo o Nordeste. Os organizadores estimam uma movimentação financeira de R$ 2 milhões.

O evento objetiva contribuir para reduzir os custos de produção do agricultor pois nos três dias da feira, serão realizadas rodadas de negócios a preços diferenciados do mercado. Um dos temas mais esperados é sobre uma máquina desenvolvida pela usina Olho D’água, capaz de realizar a colheita em áreas de difícil acesso. Essa inovação tecnológica tem reduzido os custos operacionais e de investimento da unidade industrial no corte da cana. A palestra sobre rendimento operacional da máquina, avaliações agronômicas e custos operacionais e investimento será realizada no último dia do evento, 18, às 15h, pelo engenheiro agrônomo da usina, Marcos Mendonça.

“O cenário pode ser positivo para o setor canavieiro, quando observarmos as recentes posições adotadas pelos principais presidenciáveis favoráveis à produção de etanol, o que tem contribuído para reacender a nossa esperança em afastar a maior crise enfrentada, originária principalmente pela ausência de planejamento do governo nos últimos anos”, diz Alexandre Andrade Lima, presidente da AFCP – entidade realizadora da Norcana.

O meteorologista do Instituto Agronômico de Pernambuco, Francis Lacerda falará no dia 16, sobre o comportamento do clima para os meses da colheita da cana. “O agricultor terá um local atrativo de palestras e de negócios e diálogos para eles, mas também entre os nossos parceiros, industriais, órgãos de classe e autoridades do setor privado e público ligados ao segmento regional”, ratifica Hermano Wanderley, gerente comercial da Cooperativa do Agronegócio da AFCP – um dos principais organizadores da Norcana.

No segundo dia do evento, 17, o tema principal das palestras será sobre a diversificação da cultura em favor da melhor lucratividade. No dia 18/09, às 16h, o agrônomo da usina Carlos Lyra/AL, Shirlan Madeiros aponta os benefícios da produção de eucalipto como uma alternativa econômica para a Zona da Mata Canavieira. Às 14h, o engenheiro Mecânico e gerente de Motomecanização da Usina Trapiche, Cesar Cândido fala da mecanização de encosta com o trator TK.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X