fbpx

“Mulheres do agro são heroínas da Pandemia”, diz presidente da Faesp

Hoje (8) é dia internacional da mulher

Por ocasião do Dia Internacional da Mulher, 8 de março, Fabio Meirelles, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp), salienta a “participação das produtoras rurais no enfrentamento da Covid-19, com muito trabalho, resiliência e correndo riscos para manter o abastecimento, a cadeia de suprimentos de alimentos e de todos os produtos que a terra provê à agroindústria, à energia e à população como um todo”.

Para Meirelles, “as mulheres do agro, assim como todas as pessoas que atuam no setor, estão entre as heroínas brasileiras nesta pandemia e devem ser reconhecidas pelo seu empenho e dedicação ao trabalho, dos quais todos nós temos dependido, como nunca, para sobreviver e vencer a grave crise”. Por isso, enfatiza “é gratificante observar que a presença feminina é cada vez mais expressiva em nosso setor”, citando o último Censo Agro, divulgado em outubro último: no Brasil, há 946,1 mil mulheres que trabalham como produtoras, o que representa 19% do total, seis pontos percentuais acima dos 13% registrados em 2006.

Além disso, o Censo Agro 2017, que havia pesquisado pela primeira vez o compartilhamento de direção nas propriedades rurais, apontou a existência de 1.029.640 estabelecimentos cuja gestão é dividida pelo casal. O número representa 20% do total.

“Os dados demonstram com clareza a importância da participação feminina no agronegócio brasileiro”, frisa o presidente da Faesp, afirmando: “A força, competência, obstinação e resiliência demonstradas pelas mulheres que atuam no agronegócio são valores que reforçam muito a necessidade de que se vençam, em todos os setores de atividade, o preconceito, a discriminação e a desigualdade salarial”.

LEIA MAIS > Cinco mulheres e o segredo da eficiência profissional
A FORÇA DA MULHER NO SETOR BIOENERGÉTICO

Para demonstrar em detalhes como a participação e a eficiência das mulheres no setor, a próxima Quarta Estratégica JornalCana, que acontece em 10/03, às 19h, conta com um painel especial. Estarão presentes:

  • Ana Oliveira, gerente de engenharia corporativa de processos da BP Bunge;
  • Chris Morais – Produtora rural da região de Barretos e uma das organizadoras do Tratoraço: dizer não ao ICMS / SP;
  • Daniela Petribu, presidente da Usina Petribu;
  • Inês Janegitz, gerente agrícola da Usina Atenas;
  • Thais Fornicola, diretora agroindustrial da Raízen.
Patrocínio:
  • AxiAgro – Inteligência e Conectividade – Otimizar o uso de máquinas e equipamentos é estratégico para a competitividade das usinas. Neste sentido, não deixe de conhecer a AxiAgro, Solução de tecnologia e inteligência para extrair a máxima performance das operações agrícolas. Confira no site: AxiAgro.com.br
  • GDT by Pró-Usinas – Reduza os custos e o riscos na gestão de terceiros da sua usina!
    A Pró-Usinas traz com exclusividade o software GDT de Gestão de Documentação de Terceiros, totalmente Saas, que automatiza o fluxo de auditoria e validações, cabendo aos terceiros a tarefa de alimentar as informações e documentos no sistema.
  • HRC —  Conheça o Clean Cut, programa de desenvolvimento de alta performance da colheita mecanizada.
  • Project Builder — Todas ferramentas de gestão de projetos e colaboração num só lugar. Conheça já!
  • S-PAA Soteica – Software de Otimização em Tempo Real presente em mais de 50 usinas, que maximiza a cogeração e a eficiência industrial, gerando ganhos superiores a R$ 1/tc. Saiba mais no site usina40.com.br

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

Comentários
Carregando...
X