fbpx
JornalCana

Moagem ultrapassa 500 milhões de toneladas no Centro-Sul

128 empresas já finalizaram a moagem no ciclo 2021/2022

A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas unidades produtoras do Centro-Sul alcançou 17,02 milhões de toneladas na 2ª metade de outubro, registrando queda de 36,79% sobre o valor apurado na mesma quinzena da safra 2020/2021 – 26,93 milhões de toneladas.

No estado de São Paulo a moagem quinzenal atingiu 8,20 milhões de toneladas (-49,67%) e nos demais estados do Centro-Sul a quantidade processada na quinzena alcançou 8,82 milhões de toneladas (-17,07%).

Desde o início do ciclo 2021/2022 até 1º de novembro, a moagem acumula queda de 10,85%. Nesse período, a quantidade de cana-de-açúcar processada pelas usinas atingiu 504,41 milhões de toneladas, ante 565,79 milhões de toneladas na mesma data do último ciclo agrícola.

LEIA MAIS > Francis Vernon Queen Neto é eleito Executivo do Ano no MasterCana Centro-Sul 2021

O número de unidades operando até 1º de novembro foi de 134 empresas. Até o momento, 128 empresas já finalizaram a moagem no ciclo 2021/2022, sendo 57 empresas com encerramento na última quinzena. Nos primeiros 15 dias de novembro, 87 novas empresas devem finalizar a safra.

O diretor técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues, acrescenta que “as empresas que encerraram a safra na segunda quinzena de outubro apresentaram redução de moagem de 18,3% em comparação com os valores registrados no último ciclo agrícola. Essas unidades registraram uma participação na moagem acumulada até o final de outubro de 46,4%”.

Rodrigues, da Unica

Produtividade agrícola e qualidade da matéria-prima

Dados preliminares apurados pelo Centro de Tecnologia Canavieira (CTC) para a primeira quinzena do mês de outubro, considerando uma amostra comum de 62 unidades, registraram produtividade de 55,4 toneladas por hectare colhido no mês de outubro ante 62,4 toneladas observadas no mesmo período na safra 2020/2021 – queda de 11,2%.

LEIA MAIS > Antonio Eduardo Tonielo é o Empresário do Ano no MasterCana Centro-Sul

A retração acumulada desde o início da safra até o final de outubro atingiu 15,1%, com 80,9 toneladas por hectare no ciclo passado e apenas 68,6 toneladas por hectare na safra atual. Estima-se que a área colhida nesta safra atingiu 7,35 milhões de hectares, o que representa cerca de 97% do total disponível para a colheita no ciclo 2021/2022.

A qualidade da matéria-prima na 2ª quinzena de outubro, mensurada a partir da concentração de açúcares totais recuperáveis por tonelada de cana-de-açúcar, registrou 142,82 kg de ATR por tonelada, com retração de 8,13% em relação aos 155,46 observados no ciclo passado. No acumulado desde o início da safra até 01 de novembro, o indicador assinala 143,24 kg de ATR por tonelada de cana-de-açúcar, uma retração de 1,12% em relação ao valor observado o ciclo 2020/2021.

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
X
Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram