fbpx

Moagem deve alcançar entre 573 a 577 milhões de toneladas de cana

Previsões são de Luiz Carlos Corrêa Carvalho, da Canaplan

Moagem de cana no interior paulista (Foto: Arquivo/JornalCana)

A safra de cana-de-açúcar 2019/20 deverá terminar com moagem entre 577,6 milhões de toneladas a 573,1 milhão de toneladas.

A estimativa é de Luiz Carlos Corrêa Carvalho, o Caio, diretor da Canaplan, feita durante a 2º Reunião Canaplan, nesta terça-feira (15/10) em Ribeirão Preto (SP).

 

 

 

Diante os dois cenários da safra 19/20, Caio lembra que há duas projeções de produção:

  • Com moagem de 577,6 milhões de toneladas, serão produzidas 25,82 milhões de toneladas de açúcar e 30,27 bilhão de litros de etanol.
  • A oferta de ATR ficará em 78,55 milhões de toneladas.
  • Com moagem de 573,1 milhões de toneladas a produção de açúcar fica em 26,51 milhões de toneladas e a de etanol em 30,95 bilhões de litros.
  • Já a oferta de ATR será de 79,2 milhões de toneladas

 

Leia também: 

Categoria inédita reconhece executivos revelação no Prêmio MasterCana Brasil 2019

 

Previsões iniciais para a safra 2020/21:

Segundo o diretor da Canaplan, a 20/21 praticamente repetirá o desempenho da 19/20.

O que fará a diferença é o clima, destacou Caio.

Conforme ele, apesar da renovação por meio de meiosi ter crescido, a área canavieira deverá cair. “Cairá em torno de 2%”, disse.

 

 

 

 

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X