fbpx

Moagem atinge 538 milhões de toneladas no Centro-Sul

Tem início período de desaceleração no processamento de matéria-prima

A quantidade de cana-de-açúcar processada pelas unidades produtoras do Centro-Sul somou 36,85 milhões de toneladas na primeira quinzena de outubro. O valor representa uma queda de 2,05% em relação ao mesmo período de 2019.

A despeito da moagem quinzenal, o acumulado da safra 2020/2021 atingiu 538,13 milhões de toneladas, registrando aumento de 5,06% sobre as 512,23 milhões de toneladas processadas em igual período do ciclo 2019/2020.

“Entramos em um período de desaceleração no processamento de matéria-prima, visto o ritmo intenso da moagem dos últimos meses graças a estiagem”, analisa o diretor técnico da UNICA, Antonio de Padua Rodrigues. “As consequências do prolongado período de estiagem devem começar a se refletir na produtividade da lavoura nos próximos meses”, acrescentou.

LEIA MAIS > DATAGRO prevê moagem de 630 milhões de toneladas para safra 21/22

A qualidade da matéria-prima processada na primeira quinzena de outubro, mensurada a partir da concentração de Açúcares Totais Recuperáveis (ATR), atingiu 164,04 kg por tonelada em 2020 contra 154,25 kg verificados na mesma quinzena da safra passada. No acumulado do ciclo 2020/2021, o índice alcançou 144,32 kg de ATR por tonelada de cana-de-açúcar – 4,51% superior ao valor apurado no último ciclo agrícola.

Em relação ao número de usinas em operação, 239 unidades estavam em funcionamento até dia 16 de outubro de 2020, contra 234 usinas em igual período da safra 2019/2020. No total, 24 unidades produtoras encerraram suas atividades de moagem até o momento.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

três × quatro =

X