fbpx

Missão coreana virá ao Brasil avaliar a exportação de etanol

O ministro do Comércio Exterior da Coréia do Sul, Hyun Chong Kim, afirmou ao ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan, que uma missão técnica coreana desembarca no Brasil ainda este ano para visitar a cadeia de produção e exportação de etanol do país. O governo do Brasil está na Ásia visitando a Coréia e o Japão disposto a torná-los compradores de álcool combustível, pois os países têm hoje uma dependência elevada de fontes de energia importadas.

As negociações ocorrem com a presença da ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff. A Petrobras, apesar de não produzir álcool, entrará num projeto estratégico de distribuição e venda. Dilma afirmou aos cerca de 150 empresários brasileiros e coreanos reunidos em seminário que o país quer construir um duto ligando as destilarias produtoras de álcool do Oeste paulista e do Sul do Mato Grosso do Sul à Refinaria de Paulínea e, de lá, ao Porto de São Sebastião.

– Eu disse aos coreanos que o Brasil tem não apenas a tecnologia de produção do álcool como também fazemos motores que trabalham com até 10% de álcool misturados à gasolina – contou o ministro brasileiro.

Furlan afirmou ainda que o ministro de Comércio Exterior coreano mostrou interesse em iniciar conversações para o fechamento de um acordo de preferência tarifária entre a Coréia do Sul e o Mercosul – o que seria um primeiro passo para uma associação de livre comércio.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X