fbpx
Cana-de-Açucar, Etanol, Açúcar e Cogeração

Minas Gerais: café e milho têm queda no faturamento, mas cana avança 15%

O café, um dos principais ativos agrícolas do estado de Minas Gerais, registrou queda de 14,83% na produção e 3,18% nos preços.
A redução foi registrada no primeiro semestre de 2017, na comparação com mesmo período de 2016 em levantamento do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) sobre o PIB mineiro.
Outros importantes ativos agrícolas de MG como o milho também tiveram resultados negativos: recuo de 32,51% na produção e de 34,72% nos preços.
Mas enquanto o café e o milho amargam queda no faturamento e na produção, a cana-de-açúcar registra alta. Conforme o levantamento, a matéria-prima do etanol e do açúcar registrou alta de 15,01% no faturamento no primeiro semestre desse ano ante mesmo período de 2016.
A cana só perde em aumento de faturamento para a mandioca (72,14%), sorgo (71,5%), amendoim (56,61%) e laranja (17,51%).

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X