Usinas

Nova realidade do clima e suas implicações para a safra 2024/25

Além da questão do déficit hídrico, a 1ª Reunião Canaplan 2024 aborda as principais questões macroeconômicas que afetam o setor bioenergético

Nova realidade do clima e suas implicações para a safra 2024/25

A nova realidade climática e suas implicações para safra 2024/25 mediante o que vem sendo observado com as oscilações das precipitações, será um dos pontos centrais a ser discutido na 1ª Reunião Canaplan 2024, marcada para esta quinta-feira, (25), no Royal Tulip Hotel, em Ribeirão Preto-SP.

“Além das variáveis climáticas, serão abordadas questões geopolíticas e regulatórias, como os resultados de reuniões ministeriais da Organização Mundial do Comércio sobre subsídios, bem como políticas internas, incluindo o projeto de lei Combustível do Futuro, que visa elevar a proporção de etanol anidro na gasolina”, informa o dirigente da Canaplan, Luiz Carlos Corrêa Carvalho, mais conhecido como Caio Carvalho.

LEIA MAIS > ABiogás, COGEN e UNICA debatem cenários no mercado de energia elétrica em webinar

“Com este projeto, o etanol anidro deve chegar a pelo menos 30% no curto prazo, o que abre perspectivas favoráveis para o setor”, afirma Carvalho, destacando também as tendências do mercado açucareiro e os impactos esperados no segundo semestre devido à oferta insuficiente em relação à demanda.

Carvalho também enfatiza a importância da água na safra atual e futura, diante do déficit hídrico e de fenômenos climáticos adversos já observados. “Estamos enfrentando veranicos e perdas já consolidadas, além de questionamentos sobre o último terço da safra”, explica.

Mais informações sobre o evento podem ser obtidas no site www.canaplan.com.br

Banner Revistas Mobile