Mercado

Programa social qualifica jovens em Alagoas

Pelo menos 200 jovens de Jequiá da Praia, em Alagoas, serão incluídos no programa Projovem Trabalhador, criado para garantir qualificação profissional e oportunidades de trabalho. Jequiá é um dos 35 municípios alagoanos que farão parte do programa. O plano é capacitar 5 mil jovens, de 18 a 29 anos, no Estado.

Em Jequiá serão capacitados 100 jovens para as áreas da agroindústria, agroextrativismo, pesca, piscicultura, turismo e hotelaria. Outros 100 jovens serão capacitados para atuar no setor sucroenergético. As matrículas e os cursos serão iniciados em março.

O programa tem como objetivo oferecer oportunidades formativas, inovadoras e criativas de desenvolvimento pessoal, para que os jovens participantes possam construir um caminho ao exercício pleno da cidadania, mediante sua formação integral, por meio de ações de qualificação socioprofissional para inserção na atividade produtiva.

Desenvolvido pelo Ministério do Trabalho e Emprego e coordenado pela Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Renda, o programa destina-se aos jovens em alta vulnerabilidade frente ao mercado de trabalho e que sejam membros de famílias com renda per capita de até um salário mínimo e estejam concluindo ou tenham concluído os ensinos fundamental ou médio e não estejam cursando ou tenham concluído o ensino superior.

Cada jovem participante terá um auxílio financeiro no valor de R$ 100, durante seis meses, comprovadas por meio de frequência de, no mínimo, 75% nas atividades do mês. Fica estabelecida a meta mínima obrigatória de 30% de inserção de jovens no mercado de trabalho.

Banner Evento Mobile