Mercado

Maior parte das usinas adotam tecnologia

Entre 205 unidades ligadas à indústria sucroalcooleira no Estado, 56% utilizam agricultura de precisão (AP) e, dentre estas, 96% pretendem, nos próximos 5 anos, expandir o uso da tecnologia. Essas são algumas das conclusões do estudo da economista da Esalq/USP Claudia Brito Silva, que teve como objetivo investigar o processo de adoção e o uso da AP no setor de açúcar e álcool. “Verifica-se, então, que a tecnologia tem sido positiva”, diz.

Banner Evento Mobile