Mercado

Em fevereiro de 2006, Honda lança o Fit 2007

A Honda inicia na próxima semana as vendas do novo Fit, modelo que recebeu apenas retoques em relação ao anterior, com mudanças na grade frontal, pára-choque e painel. A novidade mais curiosa é a classificação, pois o modelo será vendido como versão 2007. É o lançamento mais adiantado do mercado, admite a montadora, que até o início de abril lançará também o Civic 2007, esse, sim, bem diferente do atual.

O diretor vice-presidente da Honda do Brasil, Kazuo Nozawa, diz não haver uma estratégia de marketing por trás do lançamento do Fit 2007, mas uma necessidade de ajuste industrial para produzir os dois modelos na fábrica de Sumaré (SP) com a mesma classificação. A versão mais barata do modelo vai custar R$ 44.990, uma diferença de R$ 880 em relação à anterior.

Nos últimos anos, a maioria das montadoras tem antecipado a classificação dos veículos, principalmente quando há mudanças mais significativas de uma linha para outra.

Em março de 2005, a Fiat lançou os modelos Mille, Palio e Siena com motor 1.0 e os classificou como 2006. A diferença era a introdução da tecnologia flex, que permite rodar com gasolina ou álcool. A mesma estratégia, porém, não será adotada este ano para o Doblò flex, lançado este mês como 2006/2006.

No caso do Fit, o motor é a gasolina. Só no fim do ano a Honda deve lançar veículos flexíveis.

Para Corrado Capellano, da consultoria Roland Berger, a estratégia pode ser entendida pelo mercado como um aviso de que, até o próximo ano, o produto não terá mudanças tecnológicas, ou seja, não espere nenhuma inovação de nossa parte.

O Fit 2005/2006 foi lançado em maio passado. Em janeiro e na primeira quinzena deste mês, as versões foram classificadas na documentação como 2006/2006. Já a partir da próxima semana serão 2006/2007.

A estratégia confunde o consumidor e pode representar perdas financeiras na hora da revenda. Vai ter alguma confusão, pois os carros são vendidos de acordo com o modelo e não com o ano de fabricação, diz Michelle Malfi, gerente de marketing do Auto Shopping Global, com 60 lojas de usados.

A Volkswagen lançou sua linha 2006 entre agosto e setembro, mesmo período em que a General Motors iniciou as vendas da S10 2006.

Nozawa projeta vendas de 32 mil Fit, ante 34,8 mil em 2005. A queda é justificada pela demanda maior esperada para o Civic, que deverá passar de 20,6 mil para 30 mil unidades. Como não temos capacidade produtiva, alteramos o mix.

Banner Evento Mobile