Mercado

Conferência da Datagro discute demandas do açúcar e álcool

O ritmo de expansão da produção é suficiente para atender as demandas interna e externa? Quais são os fatores que limitam o ritmo da expansão da produção no Brasil? Essas e outras questões serão discutidas amanhã, terça-feira, na V Conferência da Datagro sobre Açúcar e Álcool, que será realizada em São Paulo, SP, no Grand Hyatt São Paulo Hotel. O evento discutirá, entre outros temas, o impacto da crise do gás natural da Bolívia na demanda do etanol no Brasil, o atraso na adoção do álcool combustível no Japão, Tailândia, Austrália, China e Índia; fluxos no comércio de açúcar, reforma do regime açucareiro europeu.

Estarão participando do evento, entre outros convidados, o presidente da Datagro, Plínio Mário Nastari; o presidente do Sindaçúcar – AL, Pedro Robério de Melo; o secretário de Estado do Meio Ambiente de São Paulo, José Goldemberg; o presidente do Sindaçúcar – PE, Renato Cunha. Para participar do debate sobre “Reformas nos Contratos Futuros de Açúcar: London/ Nº 5 vai se tornar um contrato mundial? Alterações realizadas e ainda a realizar no Nybot nº 11”, estarão presentes Manoel Fernando Garcia, da S/A Fluxo, Eric Hasham, da Liffe-Londom e Joseph O’Neil, da New York Boardof Trade.

As inscrições podem ser feitas no local do evento (Av. Nações Unidas, 13.301 – Brooklin – São Paulo – SP), a partir das 7h30. A abertura dos trabalhos será às 8h30. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 4195-7774.]

Banner Revistas Mobile