Mercado

Câmbio trará ano ruim para o açúcar

Não que os preços na Bolsa de Nova York (Nybot) estejam baixos. Estão na média dos últimos cinco anos, mas insuficientes para amortecer a desvalorização do dólar. Já no caso de milho, soja e algodão, as cotações internacionais para o ano que vem indicam valores até 60% superiores aos níveis históricos, o que assegura boa rentabilidade às culturas, mesmo com a valorização cambial.

De acordo com a indicação de preços da Nybot para julho de 2008, a tonelada do açúcar VHP, em reais, vai valer 4% menos do que a cotada em julho deste ano. Isso, se o dólar se valorizar e chegar a R$ 1,80 –atualmente está na casa de R$ 1,73 –, lembra Mário Silveira, analista da FCStone.

Banner Evento Mobile