Mercado

Brasil tem primeiro mestrado em agroenergia

A FGV (Fundação Getulio Vargas), a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e a Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz) se uniram para criar o primeiro mestrado profissional em Agroenergia do mundo.

Com o objetivo de contribuir para a formação de profissionais com conhecimentos específicos para gerir com competência o sistema de produção da energia da biomassa, o curso pretende atingir pessoas graduadas nas áreas de Engenharia Agronômica, Economia e Administração.

O programa foi desenvolvido pelas três instituições e cada uma vai se responsabilizar por uma área. As disciplinas voltadas para gestão empresarial serão ministradas pela FGV, as de caráter agronômico pela Esalq e as tecnológicas pela Embrapa.

Banner Evento Mobile