Mercado

Brasil busca entendimento agrícola com a Coréia do Sul

O Brasil está buscando entendimentos com o governo da Coréia do Sul na área agrícola. Ontem, dia 6 de fevereiro, o ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, reuniu-se com representantes do governo da Coréia para ampliar o comércio bilateral entre os dois países. Foi a primeira reunião do Comitê Consultivo Agrícola Brasil-Coréia.

A tecnologia do álcool combustível foi um dos principais assuntos da pauta. O ministro Rodrigues ressaltou a liderança do Brasil na produção de álcool e falou sobre a crise mundial de fornecimento de petróleo em função da redução da oferta e o aumento dos preços do produto no mercado internacional.

Segundo o Ministério da Agricutlura, o embaixador da Coréia no Brasil, Kwang Dong Kim, “elogiou o potencial agrícola do Brasil, mas ponderou que a abertura comercial só poderá ocorrer à longo prazo”. O embaixador afirmou que a Coréia do Norte enfrenta problemas de suprimento de alimentos e sinalizou que há possibilidade de que agricultores norte-coreanos venham produzir alimentos no Brasil, utilizando áreas não cultivadas no país. Dong Kim disse ainda que o governo coreano analisa com atenção a alternativa de substituir o petróleo por outra fonte de energia.

Banner Evento Mobile