Mercado

BNDES poderá financiar produção de álcool na América Central

De acordo com o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) poderá financiar empresas brasileiras na produção de álcool na América Central. A afirmação foi feita durante seminário em Brasília, onde 11 países da região discutiram com representantes do governo brasileiro a possibilidade de cooperação técnica na produção e distribuição do etanol.

“Estaremos dispostos a fornecer informações e participar ativamente da elaboração de projetos, estudando até as possibilidades de financiamento. O BNDES, por exemplo, pode ajudar empresas do Brasil naqueles países”, disse Amorim.

Segundo o ministro, os países da América Central podem servir como escala para o álcool brasileiro com destino aos Estados Unidos, como já acontece na Jamaica, onde há uma destilaria brasileira que importa álcool do Brasil, modifica o produto na Jamaica e o revende para os Estados Unidos.

Banner Evento Mobile