Mercado

Biodiesel terá novos leilões

A Agência Nacional do Petróleo (ANP) vai realizar nos meses de março e abril dois novos leilões de biodiesel, com a oferta de 500 milhões de litros do combustível, que deve ser misturado ao diesel na proporção de 2% obrigatoriamente a partir de 2008. No primeiro leilão, para fornecimento ainda neste ano, serão ofertados cerca de 100 milhões de litros, e no segundo, 400 milhões de litros, para entrega em 2007.

O anúncio dos novos leilões foi feito ontem pelo ministro de Minas e Energia, Silas Rondeau, durante solenidade de assinatura dos contratos do primeiro leilão, realizado em novembro. A assinatura dos contratos levou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva a parafrasear Getulio Vargas.

– O biodiesel é nosso – disse Lula, ao lembrar que, quando faltar petróleo no mundo, o Brasil terá uma alternativa ecologicamente correta.

A Petrobras, que comprou 65,3 milhões de litros no leilão, deverá iniciar a mistura do biodiesel ao diesel ainda em fevereiro, segundo informou o gerente geral de Produtos Claros da Diretoria de Abastecimento da estatal, Edgard Manta.

O volume de biodiesel adquirido no primeiro leilão ainda é pequeno se comparado ao mercado nacional de diesel, estimado pela Petrobras em 40 bilhões de litros. O significado da operação, numa tentativa de antecipar a mistura prevista em lei (2%) como uma medida obrigatória apenas para 2008.

O volume adquirido pela Petrobras corresponde hoje apenas a 0,2% da produção da estatal. Como a mistura, mesmo voluntária, não pode ser inferior a 2%, o combustível produzido a partir de oleaginosas será misturado por enquanto apenas nas regiões próximas a sua produção (Piauí, São Paulo, Minas Gerais e Pará).

Manta explicou que as bombas em que o produto estiver adicionado ao diesel deverão apresentar identificação, para que o usuário tenha conhecimento da mistura.

Para entender aos requisitos da Lei do Biodiesel, a produção brasileira do combustível deverá superar 800 milhões de litros no início de 2008 e chegar a 2,5 bilhões de litros em 2013, quando a mistura obrigatória passará a ser de 5% ao diesel.

O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, ressaltou o pioneirismo das quatro empresas produtores de biodiesel: Ecodiesel, Agropalma, Minas Soy e Granol.

Ainda ontem o Conselho de Administração da Petrobras aprovou o acordo de compra e venda com a Astra Oil Trading NV para a aquisição de 50% da refinaria Pasadena Refining System, em Pasadena – Texas, pelo valor de US$ 370 milhões. A unidade tem capacidade de processar 100 mil barris de petróleo por dia.

Banner Evento Mobile