Mercado

Biodiesel - a solução para todos

Em artigo publicado no dia 23/09, o jornalista Washington Novaes pergunta: o biodiesel é solução, mas para quantos? E responde que é grande o risco de concentração de renda e da propriedade rural com a implementação do Programa Nacional do Biodiesel.

Nós achamos que o biodiesel pode ser a solução para todos e, mais ainda, para o Brasil.

Na opinião de especialistas a era do petróleo barato está terminando, assim como as reservas de petróleo mundiais. As alternativas para a substituição dos combustíveis fósseis não são muitas.Entre elas, as de mais fácil implementação são o biodiesel e o álcool.

O Brasil já produz quase 15 bilhões de litros de álcool por ano, é um grande produtor de grãos, tem milhões de hectares de terras férteis ainda virgens e um clima excepcional. Por que não podemos produzir biodiesel na mesma proporção?

A resposta está no modelo equivocado escolhido pelo governo Federal. Ao concentrar a produção nas mãos dos grandes produtores, o governo perdeu uma chance única de matar dois coelhos com uma só cajadada: tornar o Brasil o maior produtor mundial de biodiesel e resolver de uma vez por todas o problema da miséria no campo.

O modelo certo para nosso País é a descentralização da produção, através da instalação de centenas de milhares de micro-refinarias em todas as regiões do país, com capacidade para produzir de 200 a 2.000 litros de biodiesel por dia, para uso próprio e não para venda a terceiros. As matérias primas principais seriam o álcool e qualquer tipo de óleo vegetal, novo ou usado, facilmente obtidos em qualquer lugar do país. As micro-refinarias forneceriam o combustível necessário para pequenos municípios, cooperativas agrícolas, fazendas, agrovilas, assentamentos, empresas de transporte e outros, a um custo muito abaixo do óleo diesel, criando milhões de empregos e ajudando no combate ao efeito estufa. Essas micro-usinas já existem, custam a partir de R$ 50.000,00 e se pagam em menos de 01 ano. Como produzem o combustível apenas para uso próprio, deveriam ser isentas de registro na Receita Federal, terem mais facilidades para obter a autorização da ANP e serem financiadas pelo Banco do Brasil e pelo BNDES, pois viriam solucionar rapidamente dois grandes problemas do país e transformar o biodiesel na solução para todos.

Banner Revistas Mobile