Mercado

Biocombustível: barreira continua

Durante o encontro com o presidente Luis Inácio Lula da Silva, na Casa Branca, o presidente Barack Obama disse que os EUA “têm muito a aprender com o Brasil” no campo da energia renovável e afirmou que pretende usar o vínculo com esse país para “fortalecer” a relação com a América Latina.

“Eu tenho uma admiração muito grande pelos passos que foram dados pelo governo brasileiro para o desenvolvimento do biocombustível. É um investimento que o Brasil vem fazendo há muito tempo. Minha política em relação a isso é dobrar os esforços dos EUA para encontrar também aqui dentro uma energia limpa. Temos de aprender muita coisa com o Brasil”, afirmou Barack Obama.

De acordo com Lula, a cada dia o Brasil está provando que o biocombustível é uma alternativa “extraordinária” e aos poucos os países estarão utilizando os biocombustíveis também. “Eu acredito nisso”, afirmou. O presidente brasileiro convidou Obama para visitar o Brasil onde teria oportunidade de andar em um carro flex para que ele perceba como esses veículos funcionam de forma tranqüila. Obama disse que já teve um carro bicombustível nos EUA, mas que o problema é que existem poucos postos para abastecimento no país.

Obama reconheceu que o assunto é motivo de “tensão” entre os dois países, mas afirmou que o sistema “não vai mudar do dia para a noite”.

Uma das principais demandas de Lula é fazer com que os Estados Unidos derrubem as barreiras para o biocombustível. O brasileiro disse não esperar mudanças imediatas e que esse é um processo a ser construído entre os dois países.

Visita

Obama disse que visitará o Brasil em breve. No entanto, nenhuma data foi estipulada para a visita. “Por ser alguém que cresceu no Havaí, sinto que seria muito importante pelo menos ir ao Rio, onde acredito que as praias são muito bonitas”, disse Obama.

“Eu adoraria visitar a Amazônia, mas suspeito de que o Partido Republicano aqui queira me ver viajar pela Amazônia e, talvez, me perder.” Obama fez a sua primeira viagem ao exterior ocupando a Presidência dos EUA em uma visita de um dia ao Canadá em fevereiro.

Ele participará da reunião do G20 na Grã-Bretanha em abril, e depois viajará para encontros da Otan na França e na Alemanha. Obama tem marcados também um encontro com líderes europeus em Praga e uma visita à Turquia.

Banner Evento Mobile