Mercado

Alcoeste ganha prêmio na categoria “produção/exportação de leveduras”

O rigoroso controle de qualidade na fabricação de levedura seca de cana-de-açúcar tem possibilitado à Destilaria Alcoeste, de Fernandópolis, SP, a conquista de clientes no mercado europeu e asiático. Mas não é só isto. A atuação diferenciada da Alcoeste, nessa área, valeu o reconhecimento de empresários e profissionais do setor que a indicaram como a melhor usina/destiilaria do ano, na categoria Produção/Exportação de Leveduras no Prêmio MasterCana Brasil 2005, que será entregue no dia 8 de novembro, no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo de São Paulo.

Para o diretor-presidente da Alcoeste, Titosi Uehara, o recebimento do Prêmio MasterCana é motivo de muito orgulho, devido à grande concorrência existente no mercado mundial de levedura. Com uma moagem de 820 mil toneladas de cana e a fabricação de 70 milhões de litros de álcool – previsão para a safra 2005/06 -, a destilaria de Fernandópolis produz levedura tipo exportação, em sacos de 25 quilos, para o mercado asiático; levedura tipo exportação, em big bag de 800 quilos, para o mercado europeu e levedura autolisada tipo exportação, em sacos de 25 quilos. O produto é destinado para complemento da ração animal. A Alcoeste estuda a possibilidade da produção de levedura para a alimentação humana.

Além da unidade de Fernandópolis, os destaques do ano no setor sucroalcoleiro estarão sendo homenageados na cerimônia de premiação do MasterCana Brasil, que é uma realização da ProCana – Informações e Eventos, empresa responsável pela publicação do JornalCana e veiculação do site www.procana.com.br . Conheça todos ao ganhadores do prêmio no site www.mastercana.com.br . Para maiores informações e reservas para o evento, entrar em contato com Rosemeire pelo telefone (16) 3968-4010 ou pelo e-mail [email protected] .

Banner Revistas Mobile