Mercado

Açúcar: Compras de traders impedem maiores quedas em NY (ICE)

O açúcar em Nova York fechou em nova queda nesta segunda-feira (3/12) e ao atingir a mínima de 9,66 cents, compras de traders foram observadas, o que evitou maiores estragos para o dia. Notícias de safra recorde no Brasil, anunciado pela Conab na semana passada tem ajudado no mercado mais fraco. Em São Paulo, a saca de 50 quilos fechou a R$ 23,44 (+ 0,60%), segundo o índice Cepea/Esalq.

O março/08 fechou cotado a 9,71 cents, queda de 4 pontos, com um volume de 29.135 contratos negociados (contra 44.150 contratos da quarta) e 428.564 contratos em aberto. Para um total geral de 774.479 contratos em aberto. O spread entre o março e setembro ficou em – 31 (abaixo).

Londres – O açúcar branco fechou o março/08 cotado a US$ 287,00 por tonelada, queda de US$ 0,70. Já o maio teve o fechamento cotado a US$ 291,50 por tonelada, queda de US$ 0,20.

Na BM&F, o açúcar encerrou em queda com fevereiro cotado a US$ 12,80, queda de US$ 0,15. Já etanol, encerrou o pregão com volume total de negócios com 46 contratos negociados.

Os contratos janeiro/fevereiro fecharam em alta, cotados a US$ 518,00 e US$ 523,00, alta de 3 e 3,7 pontos, respectivamente. O total de contratos em aberto esteve em 3.331 contratos para um volume financeiro de R$ 655.297.

Banner Evento Mobile