fbpx

Malásia pode ficar sem fornecimento de açúcar bruto

malasia
Fornecedores estrangeiros de açúcar bruto, estão a um passo de encerrarem seu contrato a longo prazo com as refinarias da Malásia.
A especulação é crescente, já que o governo do país pouco fez para atrair investidores e fornecedores de açúcar bruto para a indústria de refino de açúcar, com alguns dias para a data de encerramento de contrato, de acordo com o jornal Business Times de Singapura.
Desde os anos 1970, o governo do país, juntamente com as refinarias locais e fornecedores estrangeiros, negociam este contrato de abastecimento de açúcar bruto, para um período de três anos.
Este contrato estipula a quantidade de açúcar bruto para compra durante o período, e pré-determina os preços que normalmente são influenciados por forças de mercado no momento da negociação.
Anteriormente, entre 70% e 80% da compra total de açúcar bruto era feita através deste contrato. Mas, como o governo reduziu a quota para importação em cerca de 30%, as negociações ainda não chegaram a lugar algum.

Inscreva-se e receba notificações de novas notícias!

você pode gostar também
Comentários
Carregando...
X